sábado, 3 de setembro de 2016

Chute no traseiro

 A situação da senadora Katia Abreu (TO) se desgastou internamente no PMDB por sua atuação em defesa de Dilma Rousseff durante todo o processo de impeachment. Peemedebistas confirmaram, ontem, que a ex-ministra será expulsa do partido. Fizeram até um paralelo do caso dela com o de Roberto Requião (PR), outro senador do PMDB que votou contra o impedimento da ex-presidente.  Segundo esse peemedebista histórico, Requião é patrimônio político do partido e garante sempre o contraditório ao PMDB. Contudo, na avaliação do mesmo integrante do partido, Katia está na vida política "de passagem, muda de posição, de partido e de lado com muita facilidade e rapidez".

Nenhum comentário:

Postar um comentário