sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Dilma só deixa o palácio após auditoria dos bens

Dilma só deixará o Alvorada quando concluir a auditoria de todos os bens, o que deve levar pelo menos três dias. “Só saio até contar a última colher”, tem dito a petista. Ela quer evitar novas acusações sobre sumiços de objetos presidenciais.
A propósito, Dilma telefonou aos 20 senadores para agradecer o voto contra o impeachment — gesto incomum quando estava no Planalto.
Já PT e PSDB ingressaram juntos com um requerimento no TSE. Querem que a corte esclareça as regras e dê segurança jurídica às operadoras de cartão de crédito para que possam intermediar doações de pessoas físicas pela internet.
Com receio de infringir alguma norma, muitas empresas têm se recusado a processar recursos das plataformas de arrecadação online. Rede, Novo e PSC também assinam o pedido. (Painel - Folha de S.Paulo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário