Lenildo Morais toma posse como prefeito de Patos e exonera secretários da gestão Chica Motta


O vice-prefeito de Patos, Lenildo Morais (PT), assumiu a Prefeitura no lugar da prefeita Chica Motta (PMDB), que foi afastada cautelarmente do cargo na manhã desta sexta-feira (9), após a deflagração da Operação Veiculação.
Depois de um principio de confusão (já que as portas estavam fechadas e um chaveiro teve de ser chamado), a Câmara Municipal da cidade oficializou a posse por volta das 15h00m (três da tarde).
A cerimônia foi rápida e contou com parte da imprensa local, alguns vereadores, populares, e militantes petistas.
O vereador Sales Júnior, usou da palavra e leu a decisão da justiça que afastou a prefeita Francisca Motta.
Em seu discurso, o prefeito empossado afirmou que pretende recolocar Patos nos trilhos, no caminho do crescimento. Ele ainda anunciou a exoneração de todos os secretários da gestão da prefeita Francisca Motta, al´me de anunciar o nome de Arnold Medeiros para a secretaria de finanças e administração.
A sessão que deu  posse a Lenildo Morais  foi comandada pela 3ª secretária da Casa Legislativa patoense, vereadora Isis Karla Medeiros.
Em entrevista a imprensa estadual, Lenildo Morais declarou que recebeu com surpresa a informação da operação. “Estou acompanhando assim como vocês. Fui pego de surpresa e vou aguardar a decisão”, afirmou.
Ele disse que não tinha conhecimento das irregularidades na Prefeitura e que também não teve acesso aos autos do processo. “O Ministério Público teve a competência para fazer a investigação e vamos ver se tem alguma irregularidade”, declarou.
Apesar de ser vice-prefeito, Lenildo Morais rompeu com a prefeita em março deste ano. Ele disputa a Prefeitura de Patos nestas eleições. Chica Motta desistiu de disputar à reeleição e no seu lugar o PMDB colocou o deputado estadual Nabor Wanderley (PMDB) para concorrer ao cargo.

Patosonline.com 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crescem os riscos de Patos ficar totalmente sem água no ano que vem.

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo