Prefeito interino Lenildo Morais afirma que STtrans funcionava com “caixa dois”

Concedendo entrevista na noite desta quarta-feira, dia 06, ao programa Polêmica, levado ao ar pela Rádio Espinharas, o prefeito interino Lenildo Morais (PT) fez revelações sobre diversos setores da Prefeitura Municipal de Patos. O prefeito revelou problemas com funcionários que recebiam sem trabalhar, gastos excessivos com folha de pagamento, além de medidas adotadas para equilibrar as contas do município depois que assumiu a gestão desde o afastamento da prefeita Francisca Motta (PMDB).
Falando em relação aos problemas encontrados na Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STtrans), Lenildo Morais afirmou que o órgão funciona com “caixa dois”, pois vários pagamentos eram feitos sem comprovação alguma de despesas, recibos ou dentro do que determina as leis de gestão do serviço público. O prefeito também disse que deverá determinar um recadastramento de taxistas e mototaxistas, pois existe divergências nos números encontrados na STtrans.
A STtrans foi encontrada com R$ 300,00 em caixa, mesmo tendo arrecadação diária através do estacionamento de Zona Azul, multas, alvarás, taxas pagas por cidadãos e outras formas de entrada de recursos pela autarquia. Lenildo determinou uma auditoria e encaminhou via ofício o caso ao Ministério Público Estadual (MPE) por encontrar fatos que comprovam improbidade administrativa.
O prefeito interino também revelou que recursos da Secretaria de Saúde do Município de Patos, enviados pelo Governo Federal, foram desviados de sua função, a exemplo, citou recursos do Programa de Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAC).
Lenildo Morais também mostrou que existe gastos excessivos com cargos comissionados que haviam sido nomeados pela prefeita Francisca Motta. O montante pago ultrapassa mais de Um Milhão de Reais por mês. O prefeito relatou que está exonerando várias pessoas que recebiam altos valores dos cofres públicos da Prefeitura Municipal de Patos.

Jozivan Antero – Patosonline.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crescem os riscos de Patos ficar totalmente sem água no ano que vem.

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo