sábado, 19 de novembro de 2016

Aliados tramam barrar pretensão de Maia para 2017


Diante da intensa movimentação do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para se lançar candidato ao cargo em 2017, deputados do Centrão vão desencadear a ofensiva de ameaça à unidade da base governista do presidente da República, Michel Temer. Liderados por Rogério Rosso (PSD-DF) e Jovair Arantes (PTB-GO) – dois pré-candidatos à sucessão de Maia -, parlamentares vão elevar o tom das críticas às propostas do Governo – em especial a Reforma da Previdência.
O regimento da Câmara impede a reeleição de presidente eleito – o caso de Maia – mesmo para um cenário que seja um mandato tampão de meses, como o atual.
A intenção de se candidatar com respaldo de ministros palacianos fez Maia anunciar que o caso pode parar no Supremo Tribunal Federal – o que irritou ainda mais seus adversários e até aliados, em razão de, como representante do Poder Legislativo, menosprezar a regra da própria Casa.
Preocupado com o clima bélico na Câmara, Temer cogita promover mais um banquete no Alvorada para tentar acalmar os ânimos dos 'aliados'.  (Leandro Mazzini)

Nenhum comentário:

Postar um comentário