quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Jáder diz que mídia quer derrubar Temer


Folha de S.Paulo - Débora  Alvares e Daniel Carvalho
Depois de um longo tempo sem subir à tribuna, o senador Jader Barbalho (PMDB-PA) saiu em defesa do governo Michel Temer e criticou a imprensa.
Segundo ele, "está em marcha para derrubar o presidente Michel Temer".
"A grande mídia, aliada a determinados setores, quer antecipar 2018. Não querem esperar pelo voto popular, pelo julgamento das urnas. Querem se antecipar, quem sabe enfraquecendo o governo de tal ordem que o presidente renuncie", disse Barbalho, pai de Helder Barbalho, ministro da Integração Nacional do governo Temer.
Para ele, o "esquema" é "avacalhar o governo, avacalhar o Congresso" e a grande mídia "escolheu" o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) como substituto de Michel Temer.
Senadores ficaram calados e deputados foram ao Senado para ouvir Barbalho dizer que "está em curso um curso um processo para derrubar o governo de Michel Temer".
Barbalho disse estar "cansado de, todas as noites, assistir o noticiário pessimista e escandaloso cobrar do atual governo aquilo que o governo tem tentando resolver".
"Fico a me perguntar: afinal de contas, não era a grande imprensa, a grande mídia, que dizia que o senhor Henrique Meirelles [atual ministro da Fazenda] era a pessoa adequada para encaminhar as medidas econômicas adequadas?", questionou o senador.
Jader Barbalho disse que os políticos brasileiros são condenados todas as noites nos telejornais. "Não posso admitir que seja tranquilamente admitido que as pessoas sejam condenadas por antecipação", afirmou

Nenhum comentário:

Postar um comentário

André Gadelha contraria MDB e adere à Lucélio Cartaxo

A pré-candidatura de Lucélio Cartaxo (PV) ganhou adesão de mais uma importante liderança do Sertão paraibano. Na manhã desta sexta-feir...