Após retomar liderança do PSDB no Senado, partido deve substituir Cássio do cargo


Após retomar liderança do PSDB no Senado, partido deve substituir Cássio do cargo
 Após ter retomado a liderança do PSDB no Senado, o tucano paraibano Cássio Cunha Lima que tinha se licenciado deve ser em breve substituído no cargo. É o que previu o portal Diário do Poder na coluna do jornalista Cláudio Humberto desta semana que prevê o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) como favorito.


Cássio que já foi eleito para o cargo duas vezes, afirmou ao portal que a bancada tucana discutirá, na segunda quinzena de janeiro, a definição do novo líder do partido no Senado. Ricardo Ferraço (PSDB-ES) é o favorito.


A bancada tucano no Senado é composta por onze senadores, além do atual líder, Cássio Cunha Lima (PB), tem Aécio Neves (MG); Aloysio Nunes Ferreira (SP); Antônio Anastasia (MG); Ataídes Oliveira (TO); Dalírio Beber(SC); Flexa Ribeiro (PA); José Serra (SP); Paulo Bauer (SC) e Tasso Jereissati (CE).

Redação 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo

Nova Farmácia Básica do Centro é entregue à população patoense