Temer já queria se aproximar de Lula; não sabia como


Temer cumprimenta Lula no hospital Sírio Libanês
O governo de Michel Temer já tinha decidido tentar se aproximar do ex-presidente Lula, revela Mônica Bergamo, na sua coluna desta segunda-feira, na Folha de S.Paulo.
A ideia -- diz a colunista, era estabelecer um diálogo com ele, maior líder da oposição hoje no país.
O diagnóstico era o de que a administração Temer precisa ter interlocução com a oposição.
Mas o presidente não sabia como se reaproximar de Lula.
A colunistaa revela ainda que Aécio Neves (PSDB-MG) também telefonou a Lula para prestar condolências.
Os dois combinaram de se encontrar em breve.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo

Nova Farmácia Básica do Centro é entregue à população patoense