Odebrecht delata fraude na Arena Pernambuco


O ex-funcionário da Odebrecht João Pacífico delatou esquema de fraudes na licitação da Arena Pernambuco, um dos estádios da Copa do Mundo de 2014.
Segundo ele, as maiores empreiteiras do país, Odebrecht e Andrade Gutierrez, fizeram acordo "a fim de frustrar o caráter competitivo de processo licitatório associado à construção da Arena Pernambuco".
As informações constam do pedido de investigação enviado pela PGR (Procuradoria-Geral da República) ao STF (Supremo Tribunal Federal).
Como não há menções a políticos com foro privilegiado no Supremo, o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato, enviou o material para Procuradoria da República em Pernambuco.
O STF tornou públicos os documentos relativos à delação da Odebrecht na noite desta terça (11).
Folha de S.Paulo – Letícia Casado, Bela Megale, Camila Mattoso, Reynaldo Turollo JR. E Ranier Bragon)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo

Nova Farmácia Básica do Centro é entregue à população patoense