sexta-feira, 2 de junho de 2017

Fernando Lyra definiu Eduardo e Aécio como “dois grandes netos de dois grandes avôs”

Eduardo Campos e Aécio Neves
Coluna Fogo Cruzado 

O ex-deputado Fernando Lyra deixou registrado em seu livro de memórias que Eduardo Campos e Aécio Neves eram “dois grandes netos de dois grandes avôs”, referindo-se a Miguel Arraes e Tancredo Neves, respectivamente. Sua grande capacidade de antever o futuro estava correta. Eduardo faleceu precocemente quando estava em plena campanha para presidente da República e Aécio disputou o segundo turno com Dilma Rousseff em 2014, do qual saiu com 51 milhões de votos. Hoje, o neto de Tancredo está metido numa grande enrascada. Com o mandato suspenso pelo STF, respondendo a vários inquéritos na Lava Jato, afastado da presidência nacional do PSDB por exigência dos correligionários, e com pedido de expulsão feito pelo chefe da Casa Civil do governador Beto Richa (PR). Para quem foi presidente da Câmara, governador de Minas e candidato a presidente da República, é uma humilhação e tanto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário