domingo, 4 de junho de 2017

Procuradores pedem a Sérgio Moro a prisão de Lula

Através de um documento de mais de 300 páginas, procuradores da Operação Lava Jato pediram ao juiz Sérgio Moro na última sexta-feira (2) a prisão do presidente Lula por corrupção ativa passiva e ativa e lavagem de dinheiro.
Além disso, quer que Lula pague uma multa no valor de R$ 87, 6 milhões, o equivalente ao valor das propinas que teriam sido pagas a ele e ao PT nos contratos da OAS com a Petrobras.
O pedido do MPF faz parte das chamadas “alegações finais”. Nele, os procuradores afirmam que o ex-presidente comandava um “esquema criminoso” dentro da Petrobrás e que era o verdadeiro dono do apartamento tríplex na praia do Guarujá (SP).
Os advogados do ex-presidente têm até 20 de junho para contestar as acusações dos procuradores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário