domingo, 31 de maio de 2009

DEM vai a luta com ou sem Jarbas

Os democratas já decidiram: a União por Pernambuco terá um candidato a governador em 2010 e não quer nem saber quem pintou a zebra. Se Jarbas Vasconcelos (PMDB) topar a parada, tudo bem, se não quiser o DEM já tem alguns nomes que podem ocupar o lugar dele numa boa.
Quem são esses heróis que estão dispostos a enfrentar Eduardo Campos (PSB) nas urnas ainda é segredo. Mas não por muito tempo. No partido todos já sabem que a aliança será reeditada e que terá um palanque em Pernambuco de qualquer maneira porque é preciso reeleger Marco Maciel senador e se integrar à disputa nacional, oferecendo uma estrutura para a candidatura de José Serra (PSDB) à Presidência da República.
Nada de extraordinário nessa estratégia dos ex-pefelistas. A novidade nessa história é a decisão dos democratas de encarar uma campanha difícil como essa, para governador de Pernambuco, sem se pendurar nos braços do ex-governador Jarbas Vasconcelos como se ele fosse a salvação do partido de Marco Maciel.
Um bom sinal. Afinal, se tivessem sido menos dependentes do senador e trabalhado com afinco e pragmatismo, como nos tempos do PFL, os democratas não estariam, hoje, nessa situação difícil, fora do poder em todos os níveis e bem enfraquecidos para formar uma forte chapa majoritária capaz de garantir a reeleição dos seus deputados e de Maciel. Escrito por Divane Carvalho.

Versão incorreta

Em entrevista à revista “Isto É” que está nas bancas, o ex-ministro José Dirceu fez uma afirmação incorreta sobre o percentual de intenção de votos da ministra Dilma Roussef em Pernambuco.
Pergunta da revista: “O senhor acredita na transferência de votos do presidente Lula?”
José Dirceu: - Acredito. Já está acontecendo. Dilma está na frente do Serra em Pernambuco, se bem que Pernambuco é um caso à parte. Lá o Lula estava com mais de 90% de aprovação. E no Rio Grande do Sul ela também já passou o Serra.
As três afirmações estão incorretas. O primeiro colocado em Pernambuco e no Rio Grande do Sul é Serra, conforme pesquisa do Ibope feita no país inteiro por encomenda do PSB. E o percentual de aprovação do presidente em Pernambuco é alto, mas nunca chegou a 90%, salvo em alguns municípios do interior. blog de Inaldo Sampaio.

quinta-feira, 28 de maio de 2009

As mentiras do PT na TV

Vi o horário político gratuito do PT, certamente uma espécie de antecipação da campanha eleitoral do ano que vem, inclusive com a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) falando de um país com “mais coração”. Pesquisas de opinião devem ter detectado que falta certo calor humano à companheira. Haja marketing. Por enquanto, soa falso.

As peças de resistência foram as maravilhas do PAC (aquele que já executou fantásticos 3% das promessas) e o programa de um milhão de casas (aquele que ainda não saiu do papel e que não tem prazo para ser concluído).

No mais, tome demonização do passado, no estilo de sempre. Um dos “crimes” apontados da gestão FHC foi, calculem, a privatização da Vale do Rio Doce — privatizada, cresceu algumas vezes e gerou milhares de novos empregos. Mas e daí?

Alguns leitores, às vezes até de boa vontade, indagam: “Por que tanta severidade com o PT?” Entre outras razões, por causa desse discurso vigarista. Demonizar as privatizações, a esta altura do campeonato, não é questão de divergência ideológica, mas de pilantragem intelectual.

E o mesmo se diga sobre o, digamos, espírito do programa. Antes, no governo FHC, dizem os petistas, o Brasil sucumbia às crises; agora, sai por cima das dificuldades. Até parece que, quando enfrentou aquelas dificuldades, o país não fez a coisa certa. Fez.

Reitero: um partido e um governo têm todo o direito de exaltar as suas qualidades — ou as que supõe ter — num horário político. Mas não pode fazer da mentira o seu norte moral. E os petistas e o governo fazem. E estou pouco me lixando se a sua popularidade é de 70%, 80% ou 120%… A maioria pode muita coisa. Mas ainda não consegue transformar uma mentira numa verdade.
Escrito por Reinaldo Azevedo(VEJA).

Alma do negócio

Com a cidade mergulhada no lixo, o prefeito do Recife (PE), João da Costa (PE), tomou uma atitude: vai investir mais em propaganda. CH,28/05/09.

Tião Buracão inicia maratona pelas rodovias de PE

O boneco que a Bancada de Oposição vai utilizar para denunciar a péssima situação das estradas de Pernambuco, o Tião Buracão, foi apresentado hoje, na área externa da Assembleia Legislativa. A partir de amanhã, Buracão vai estar em diversas rodovias do Estado, disse o líder da Oposição, deputado Augusto Coutinho (DEM).O boneco chamou atenção de funcionários e pessoas que passavam pela Rua da União. Muita gente até tirou fotografia. “Nem é preciso ir muito longe para ver a buraqueira”, disse a ambulante Maria de Assis que passava no local.

DEMOCRATAS inicia ataque cerrado a Eduardo Campos

O DEM abandonou o tom pacífico das inserções partidárias estreladas pelo senador Marco Maciel e lançou novo comercial, ontem, atacando duramente o Governo Eduardo Campos. A artilharia foi toda concentrada na área da Saúde, alvo preferido da oposição. A peça televisiva sinaliza para os argumentos que nortearão a campanha eleitoral da futura União por Pernambuco (PMDB, PPS, PSDB e DEM), aliança que pretende enfrentar o projeto de reeleição do socialista.
Os três hospitais prometidos por Eduardo Campos na campanha de 2006, e ainda não concluídos, integram o arsenal veiculado que visa ao enfraquecimento da atuação governista. “O Governo do Estado prometeu resolver o problema da Saúde, prometeu construir três novos hospitais. E até agora nada”, diz a narração. A crítica segue lembrando que faltam médicos, remédios, leitos e dignidade. O texto ganha força à medida que imagens de manchetes de jornais locais são exibidas, simultaneamente.Escrito por Magno Martins

TOTONHO VALADARES

Pelo voto de minerva do presidente Roberto Lins, o TRE manteve na noite desta quarta-feira a aplicação de uma multa no valor de R$ 51 mil ao prefeito reeleito de Afogados da Ingazeira, Totonho Valadares (PSB), por suposta divulgação de pesquisa sem registro prévio na Justiça Eleitoral.
Votaram a favor do prefeito os desembargadores eleitorais João Campos, Ademar Rigueira e Francisco Julião. E, contra, Margarida Cantarelli, Francisco Queiroz Cavalcanti e Saulo Fabiano.O prefeito vai recorrer da sentença ao TSE alegando que a coligação que o apoiou não praticou qualquer ato ilegal durante a campanha.
Categorias: Roberto Lins - TRE - Totonho Valadares - TSE
Escrito por Inaldo Sampaio

PMDB com Serra

O PMDB começa a dividir o caminho da roça. No fim de semana, o diretório estadual de São Paulo realizou um congresso. Mais de 300 participantes. E peemedebistas visitantes de vários estados.O balanço é este: o PMDB de 5 estados já apóia José Serra. Além de São Paulo, o Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina e Pernambuco.Diz o PT que uma convenção do PMDB hoje daria 532 votos para Dilma e 270 para Serra. Mas o eleitorado dos 5 estados é a metade do país. DP, 28/05/09.

Patrimônios de Pernambuco

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia aprovou projetos de Miriam Lacerda (DEM) que consideram o São João de Caruaru Patrimônio Cultural e Imaterial de Pernambuco e o Alto do Moura Patrimônio Cultural e Turistico de Pernambuco. As duas propostas devem ser votadas em plenário na próxima semana, e a deputada acredita que ambas serão aprovadas sem problemas. DP, 28/05/09.

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Pés na estrada

O Governador Eduardo Campos, vai continuar falando em obras "fantasmas", como a estrada Caruaru/Toritama/Santa Cruz do Capibaribe, que só existe no papel e nas mentiras do seu governo. Quais as obras do seu governo no pajeú? Como esta as estradas na mesma região? Fale com Tião Oliveira sobre o assunto. Basta de tantas mentiras, governador medíocre. O povo merece respeito.

terça-feira, 26 de maio de 2009

Marco Maciel é um marco de Pernambuco

O partido Democratas lança na noite desta segunda-feira (25) o seu apoio oficial à reeleição do senador Marco Maciel para o pleito de 2010 através da veiculação de comerciais de televisão e de rádio no horário eleitoral gratuito.
Com o slogan: Marco Maciel, o Marco de Pernambuco, os vídeos trazem a biografia das obras e ações de Maciel ao longo de mais de 40 anos de vida pública. São utilizados os conceitos de competência, trabalho e conciliação.
“O partido, ao mesmo tempo que resgata a memória do trabalho do senador em prol de Pernambuco, homenageia um grande líder político que encarna as realizações do partido pelo nosso Estado”, afirmou o ex-ministro e vice-presidente do Democratas, Gustavo Krause.
Segundo Krause, "nos últimos 30 anos nada aconteceu em Pernambuco, nenhuma grande obra estruturadora, sem ter as impressões digitais de Marco Maciel". Blog do Jamildo

Marco de Pernambuco

Todas as inserções a que o DEM terá direito no rádio e na TV no primeiro semestre deste ano serão dedicadas integralmente ao senador Marco Maciel, que irá à luta em 2010 pela renovação do seu mandato independente de quem seja o candidato a governador pelos partidos de oposição.
Óbvio que lutar por um mandato de deputado federal seria muito mais fácil para o senador, que já foi governador, ministro de estado e vice-presidente da República. Mas o que ele deseja mesmo é o Senado convencido de que o povo pernambucano “não me faltará, como nunca me faltou nas outras eleições”.
As inserções tiveram início nesta segunda-feira, à noite, e irão se prolongar até a primeira semana do mês de junho. Elas irão apresentar Marco Maciel como homem público limpo, contra quem não há nenhum fato que o desabone, moralmente, em 40 anos de vida pública. Escrito por Inaldo Sampaio

Marco Maciel, prioridade do DEMOCRATAS

Os Democratas decidiram priorizar a reeleição do senador Marco Maciel (DEM). O partido concentrou suas inserções na televisão tendo como personagem único o senador. Com o slogan Marco Maciel, o Marco de Pernambuco, o programa exibido ontem, durante o horário semestral gratuito em rádio e televisão, procurou traçar o perfil dele e suas ações em favor de Pernambuco ao longo de 40 anos de vida pública. O partido produziu três comerciais de 30 segundos cada. O próximo será exibido nesta quarta-feira e o outro nos dias 01 e 03 de junho. A Luni Produções é a responsável pela produção dos programas. As inserções exibem um Marco Maciel atuante em todas as funções que assumiu na vida pública. Os programas falam das obras e ações do democrata no período em que atuou como governador, vice-presidente, deputado federal e senador. Para mostrar um político sintonizado com as necessidades da população, os produtores optaram por regionalizar as inserções. No programa de ontem, o senador aparece como o político que trouxe água para o Sertão e com com sua visão de futuro, levou obras como a Universidade Federal do Vale do São Francisco. O abastecimento de água, o esforço para alavancar a educação e sua preocupação com o desenvolvimento da região como a construção do aeroporto de Petrolina ganharam destaque na inserção. "O sertanejo agradece pela água, pelo desenvolvimento, pelo direito de ir e vir, pela chance de mudar de vida", diz o locutor no programa. No comercial produzido para o Recife, Grande Recife e Agreste, o partido decidiu investir na imagem de um político preocupado com a questão habitacional. O programa mostrará seu trabalho na área, como a construção de 100 mil casas populares (os conjuntos da Cohab erguidos na década de 1970 e início dos anos 1980). O programa também enfoca sua atuação na ampliação do Metrô, na construção do Complexo Industrial de Suape e seu empenho para ampliar o Aeroporto Internacional dos Guararapes. Já oterceiro programa procura mostrar o senador como um político plural, que consegue conviver harmoniosamente com adversários visando o bem do país. DP,26/05/09.

domingo, 24 de maio de 2009

Voto em Marco Maciel. Diz prefeito do PTB

Um Prefeito do PTB (Partido Trabalhista Brasileira), falou a este blog (neste domingo,24/05/09), que vota em Marco Maciel para Senador ou Governador. Segundo o Prefeito, que pediu para não ser identificado, ainda é cedo. Foi o Senador quem mais trabalhou pelo semi árido, com um amplo programa integrado de melhoria da região, com plano de perenização dos rios, eletrificação rural, estradas, crédito rural, assistência à agropecuária, através do Projeto Asa Branca. Foi durante o seu governo que o sertão se desevolveu.Vale lembrar, que o PTB faz parte da base aliada do atual governador. "Vamos dá o troco a esse governo que não tem obras na nossa região, só propaganda."Diz o mesmo.

Pacto Pela Vida 1 :Estado ausente na Policia Civil: Forro desaba na Delegacia de Afogados da Ingazeira

Uma parte do forro do Cartório da Delegacia de Polícia Civil de Afogados da Ingazeira desabou no final da manhã desta sexta-feira, dia 23. O forro, que é de gesso, não resistiu às infiltrações provocadas pelas chuvas que caíram sobre a cidade nos últimos dias e parte dele veio abaixo. Os resíduos ainda não foram recolhidos e o local foi interditado para evitar acidente.Os inúmeros problemas da Delegacia de Polícia Civil de Afogados da Ingazeira já foram detectados pela Secretaria de Defesa Social, mas não foram tomadas as soluções exeqüíveis. O descaso já foi alvo de reclamação por diversas vezes nos meios de comunicação, inclusive nesta página bastante acessada por este Brasil a fora. A Delegacia continua totalmente abandonada. Quem passa na calçada do prédio se depara com imagens que revelam o verdadeiro caos e abandono com a Segurança Pública do Estado. Os policiais não possuem condições de trabalho. Ao entrar no prédio, o visitante já sente à fedentina. O banheiro do xadrez, não tem caixa de descarga e, quando usado deixa um mau cheiro desgraçado. O prédio da Delegacia de Polícia Civil de Afogados da Ingazeira não oferece as mínimas condições de higiene e estrutura, além de sofrer com a falta de profissionais. O governador Eduardo Campos prometeu cuidar com carinho da Segurança Pública, mas até o presente não cumpriu com os compromissos. A segurança vai de mal a pior, e somos obrigados a mostrar tal ineficiência administrativa. blog do Itamar.

Pacto Pela Vida II: Abandono com outras delegacias de polícia na região

Falar em descaso do Governo do Estado de Pernambuco com o município de Afogados da Ingazeira. A Delegacia de Polícia Civil da vizinha cidade de Iguaracy- PE. Já pediu socorro há muito tempo. Diante da situação precária, o prédio foi interditado e transferido para outro local a cerca de noventa dias. Os policiais deram graças a Deus! Apesar de ter sido o prefeito que mais se preocupou com a questão da Segurança Pública no Pajeú, Francisco Dessóles, passou oito anos no poder, deixando no esquecimento a dita cuja.

TSE pode cassar 3º governador na terça

Pode ser retomado amanhã o julgamento do governador de Santa Catarina, Luiz Henrique da Silveira, no Tribunal Superior Eleitoral. Acusado de abuso de poder econômico e político, poderá perder o mandato. Ele está mal na foto: quando o julgamento foi interrompido, três ministros já haviam votado pela sua cassação. O relator do processo é o ministro Félix Fischer, que tem reputação de magistrado rigoroso e sério. Este ano o TSE já julgou três governadores: cassou Jackson Lago (MA) e Cássio Cunha Lima (PB) e absolveu Waldez Góes (AP). Ainda aguardam julgamento no TSE os governadores Ivo Cassol (RO), Marcelo Deda (SE), Marcelo Miranda (TO) e José Anchieta Jr (RR).

Alianças partidas

PT e PMDB não conseguem fechar alianças estaduais para 2010. Há clima de tensão em todo o País, especialmente no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio, Espírito Santo, Minas Gerais, Bahia , Pará e Pernambuco.

Renovação

O Senador Marco Maciel (DEM) anda preocupado com o processo de renovação política e ocupou a tribuna do Senado para fazer uma exortação aos jovens, para que participem do projeto de desenvolvimento do país. Nos bastidores, Maciel tem discutido com outros senadores, a criação de um movimento nacional para estimular a participação dos jovens. "Sabemos que o Brasil é um país de jovens, sendo necessário não só dar-lhes acesso à educação, às novas tecnologias e também suscitar o interesse deles".

Perigo da CPI

O governo Lula pode enfrentar mais problemas com a base aliada do que com a oposição na CPI da Petrobras. O senador Fernando Collor (AL), representante do PTB, por exemplo, já disse que não fará parte de nenhuma tropa de choque". Nem para um lado e nem para o outro. DP,24/05/09.

sábado, 23 de maio de 2009

Muito blablablá e nem uma bodega em Petrolina

De vez em quando, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Bezerra Coelho (PSB), fala de atração de investimentos como se o Estado fosse um verdadeiro tigre asiático. E estufa o peito ainda mais quando aponta que o diferencial deste governo em relação ao de Jarbas é a oportunidade de negócios gerados no Interior.

Mas em Petrolina, a Califórnia brasileira e principal base eleitoral do secretário, em dois anos e meio no cargo, Fernando não conseguiu levar uma só indústria, apesar dos incentivos fiscais prometidos pelo governo. “Fernando assumiu uma pasta estratégica achando que iria transformar Petrolina no maior celeiro industrial do Estado. Eu só queria que ele me apontasse uma única fábrica que alavancou para o município”, provoca o deputado Ciro Coelho (DEM), primo do secretário, mas adversário político.

Ciro acha que, politicamente, Fernando poderá ter uma passagem melancólica pelo Governo, caso não consiga levar para Petrolina um grande investimento. “A crise, ao contrário, deixou Petrolina na UTI, na medida em que o Governo adotou o programa emergencial Chapéu de Palha”, constata Ciro.

Ele faz questão de enfatizar que é a favor do programa, mas cobra, igualmente, resultados de investimentos privados capazes de devolver aos petrolinenses o orgulho ostentado pela sua performance econômica do passado. Escrito por Magno Martins,

Cadê os projetos?

A prefeitura de São José do Egito está na iminência de perder R$ 3,7 milhões oriundos na Funasa porque não apresentou projetos para abastecimento d’água (R$ 1.1 milhão) e esgotamento sanitário (R$ 2,6 milhões).
O prefeito Evandro Valadares (PSB) já foi alertado pela Fundação quanto a essa pendência que está em aberto, porém até agora não tomou nenhuma providência.
Categorias: São José do Egito - Funasa - abastecimento d’água - esgotamento sanitário - Evandro Valadares
Escrito por Inaldo Sampaio

Priscila Krause se diz chocada com 'falta de comando' de João da Costa

Líder da Oposição na Câmara dos Vereadores do Recife, Priscila Krause (DEM), disse ter ficado chocada ao ler nos jornais de as declarações do prefeito João da Costa culpando a Qualix pelo lixo na cidade e a do secretário de Serviços Públicos, José Humberto Cavalcanti, de que "houve uma diminuição na qualidade do serviço e a população do Recife perdeu a confiança, sobretudo nos bairros menos favorecidos"."Confesso que fiquei sem saber qual foi a pior declaração. Se a do prefeito admitindo que não tem comando para fazer a Qualix cumprir o contrato ou se a do secretário jogando a toalha", afirmou. Para Priscila, "é inadmissível ver a própria Prefeitura tratar como normal o fato de perder confiança do povo e de não ter controle sobre uma empresa que presta serviço ao município e é paga com o dinheiro do povo".
“Depois de sumir, o prefeito reaparece e diz que a culpa do lixo na rua e da cidade suja é da Qualix. E daí? A Qualix por um acaso é uma empresa autônoma que não deve satisfações?”, questionou. “Infelizmente falta um comandante, alguém que lidere, que tome decisões, que faça acontecer”, afirmou.Blog de jamildo.

PODER SEM PUDOR

Falatório não é dinheiro
Secretário de Planejamento de Pernambuco nos anos 70, Everardo Maciel promoveu um seminário sobre projetos para a região metropolitana do Recife, na prefeitura da capital. Os temas eram excessivamente técnicos, enfadonhos. O então prefeito, Augusto Lucena, interrompeu Maciel:- Secretário, vou sair e dar uns telefonemas...Ante a expressão de espanto de Maciel, ele completou:- ...quando chegar na parte "dinheiro para a cidade", propriamente dita, pode mandar me chamar.E foi embora. CH,23/05/09.

Marcado para perder

O PT-DF escolhe no dia 4 seu candidato ao governo do DF. O ex-ministro Agnelo Queiroz é o favorito entre petistas para enfrentar o atual governador José Roberto Arruda (DEM) e o ex Joaquim Roriz (PMDB. CH,23/05/09.

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Corte de emendas

Em entrevista na manhã desta quinta-feira (21/05/09)ao jornalista Valdir Bezerra, da Rádio Capibaribe, o deputado André de Paula (DEM) bateu pesado no presidente Lula por ter, segundo ele, cortado algumas emendas de bancada que beneficiariam diversos municípios do Estado de Pernambuco.
Entre as emendas que foram cortadas, disse o deputado, está a que destinava recursos à construção da Via Mangue. “Se esse projeto ainda estava no papel, agora é que não sairá mesmo”, disse o ex-presidente do PFL.
Para ele, cabe agora ao governador Eduardo Campos valer-se do seu prestígio junto ao presidente da República para que essas emendas sejam restabelecidas, sob pena de o Recife, Olinda, Jaboatão e Petrolina perderem obras importantes de infra-estrutura.
Categorias: Valdir Bezerra - Rádio Capibaribe - André de Paula - Lula - Via Mangue - infra-estrutura
Escrito por Inaldo Sampaio

Visita de candidato

Como líder interino do Democratas, Roberto Magalhães (PE) saudou o governador de Minas, Aécio Neves, em Brasília, nesta quinta-feira à tarde, durante visita de cortesia feita por ele aos líderes do partido.
- O importante não é o candidato e sim nossa unidade para chegarmos à vitória – disse o neto de Tancredo Neves aos líderes do DEM.
Para Roberto Magalhães, ele está com um discurso “muito aprumado” e cada vez mais deixa a entender que vai para a disputa interna com Serra até o final.
Categorias: Roberto Magalhães - Aécio Neves
Escrito por Inaldo Sampaio

Usineiros farão lobby na CPI da Petrobras

Cidade natal do ex-ministro Antonio Palocci, Ribeirão Preto (SP) vai “brilhar” novamente em uma comissão parlamentar de inquérito: usineiros paulistas, grande parte sediados no município, estão se preparando para uma “guerra de guerrilha” na CPI da Petrobras. Eles não querem que os senadores façam muitas perguntas sobre a operação de R$ 178 milhões da estatal – investigada pelo Ministério Público - que os beneficiou. CH,22/05/09.

Meu nome é Bozó

Afastado da coordenação da campanha da ministra Dilma Roussef, da qual dizia fazer parte, o ex-prefeito de Recife João Paulo agora prega o terceiro mandato para Lula. Também sem autorização do interessado. CH,22/05/09.

Palanque

Brasileiro gozador já apelidou o programa do governo Lula, que promete construir 1 milhão de casas, de “Minha casa, minha Dilma

quinta-feira, 21 de maio de 2009

ACM Neto: acusações não me atingem

O corregedor da Câmara dos Deputados, ACM Neto (DEM-BA), rebateu hoje (20) as críticas que recebeu do deputado Edmar Moreira (sem partido-MG). ACM Neto afirmou que o ataque do colega “não o atinge” e que não tem como se defender de “acusações inexistentes”. Edmar Moreira é acusado de uso irregular de verba indenizatória. Durante depoimento no Conselho de Ética, o deputado do castelo afirmou que as denúncias apresentadas pelo corregedor foram “irresponsáveis e levianas”.
Deputado, qual foi o motivo para que Edmar Moreira partisse para o ataque contra a Corregedoria da Casa? Ele fez isso porque não tinha argumentos suficientes para se defender. E quando você não pode contestar fatos que não podem ser desmentidos, você passa a criticar pessoas que agem com seriedade e que aplicam o espírito público de fiscalização. Talvez se essas palavras tivessem sido proferidas por outro parlamentar eu poderia estar me sentindo ofendido, mas isso não me atinge em nenhum nível. Continuo a frente de um trabalho sério na Corregedoria da Casa.
Edmar Moreira alega que sofreu “perseguição política” dentro do DEM por causa de sua candidatura avulsa à Mesa da Casa, qual a opinião do partido sobre tal acusação? É inadmissível a justificativa dele de perseguição política. Eu mesmo pedi que ele passasse pelo crivo da bancada. Daí em diante os erros foram cometidos pelo próprio deputado. Ele procurou o que está acontecendo. Ele não pode se esquivar de responder as denúncias.Eu montei uma sindicância suprapartidária com vários nomes do saber jurídico da Casa. O relatório foi aprovado de forma unânime. Não foi apenas o DEM que se pronunciou sobre o fato, mas todos aqueles que examinaram pessoalmente o caso do Edmar Moreira. Nós seguimos o que determina o ato da Mesa. Não há nada que fuja a lei. Eu não tenho nenhum desejo de sair prejulgando o deputado, mas também não posso me furtar de fazer o meu papel. Como corregedor, eu precisava saber o que estava acontecendo. Ele queria o quê? Que eu não o mandasse para o Conselho de Ética? O que era da minha competência eu fiz. Agora espero que o Conselho julgue de forma honesta e que justiça seja feita. CH,20/05/09.

Meteram a mão

Palavra de senador governista: o temor de alguns na Petrobras é a CPI investigar o superfaturamento de R$ 85 milhões (até agora) nas obras de infraestrutura da refinaria de Abreu e Lima (PE). Temem cadeia mesmo. CH,21/05/09.

Estreia de Maciel

Na segunda-feira(25/05/09), o senador Marco Maciel estreia no programa estadual dos democratas com força total, dentro da estratégia do DEM para garantir seu retorno ao Senado em 2010.

Senado

Jarbas Vasconcelos (PMDB) reuniu um grupo de senadores na sua casa em Brasília, na terça-feira, para uma homenagem ao líder tucano, Arthur Virgílio, mas o encontro serviu também para se discutir estratégias conjuntas para ajudar na recuperação da imagem do Senado. Também estavam no jantar os senadores Tasso Jereissati (PSDB-CE), Cícero Lucena (PSDB-PB), Marisa Serrano (PSDB-MS), Demóstenes Torres (DEM-GO) e Tião Viana (PT-AC).DP,21/05/09.

quarta-feira, 20 de maio de 2009

DEM e PDT já definiram nomes para CPI

No Senado, o líder do DEM, José Agripino (RN), e o líder do PDT, Osmar Dias (PR), anunciaram há pouco que seus partidos já selecionaram os nomes dos integrantes para participar da CPI da Petrobras. O DEM escolheu os senadores Demóstenes Torres (GO), Heráclito Fortes (PI) e Antonio Carlos Magalhães Júnior (BA). Já o PDT escolheu o senador Jefferson Praia (AM) para representar o partido como titular. Já que oposição tem três vagas de titulares a serem preenchidas, Agripino disse que ainda hoje o DEM e o PSDB vão definir como ficará a composição dos partidos na CPI. CH,19/05/09.

terça-feira, 19 de maio de 2009

Delegacia caindo aos pedaços

Tive a oportunidade de visitar a Delegacia de Paulista duas vezes em uma semana. Poucas vezes vi um lugar tão indigno para se trabalhar. As paredes são imundas. Há infiltrações por todos os lados, fiação exposta, portas quebradas e goteiras. A fachada lembra um açougue. Assusta. O cheiro é terrível.
"Ainda cobram velocidade nas investigações. As pessoas deveriam nos fazer uma visitinha", reclamou um agente. Blog do Jamildo.

Oposição levará boneco à Câmara Municipal do Recife para satirizar problemas com lixo

A líder da oposição na Câmara Municipal do Recife, Priscila Krause (DEM), prepara um protesto inusitado para a sessão.
Depois de sucesso no rio do João Buracão, a vereadora anunciou que o boneco “João do Lixão” assistirá à sessão desta terça-feira.
“Ele será apresentado à sociedade”, ironizou. Blog do Jamildo.

Jarbas Vasconcelos

O senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) fez na tarde desta segunda-feira no Senado talvez seu mais duro discurso de oposição ao presidente Lula, ao governo e ao PT.
Havia no plenário pouquíssimos senadores, mas nenhum deles o aparteou. No discurso, lido, ele disse que o presidente Lula não tem autoridade moral e nem política para chamar a oposição de “irresponsável e impatriótica” por ter aprovado naquela Casa, na última sexta-feira, a CPI da Petrobrás.
Sob o comando do presidente, disse o senador pernambucano, o PT não assinou a Constituição de 88, votou contra o Plano Real, o Proer e a Lei de Responsabilidade Fiscal e defendeu a instalação de dezenas de CPIs em todos os governos.
“Ele quer atribuir à oposição o papel que ele exerceu lá atrás, de forma radical, irresponsável e intolerante”, disse o ex-governador de Pernambuco, acrescentando que o presidente da República não tem autoridade “para dar lição de correção e de ética a nenhum membro da oposição porque ele é que teve um comportamento irresponsável”.
Categorias: Jarbas Vasconcelos - oposição - Lula - PT - CPI da Petrobrás
Escrito por Inaldo Sampaio

PMDB faz doce

A cúpula do PMDB da Câmara se reuniu há dias, discretamente, na casa do deputado Waldemir Moka (MS), em Brasília, para discutir política. Lula deve mergulhar a barba no molho: a tendência, pela ordem, é não fazer alianças, apoiar José Serra (PSDB) ou, por fim, Dilma Rousseff (PT). CH,19/05/09.

Aeroporto Carlos Wilson

O aeroporto de Fernando de Noronha deve ser batizado de Deputado Carlos Wilson. A proposta é do deputado estadual Alberto Feitosa (PE).CH,19/05/09.

Roberto Freire: 3º mandato é golpe

O presidente nacional do PPS, Roberto Freire, criticou nesta segunda (18) as articulações para aprovar uma emenda à Constituição que permitiria um terceiro mandato ao presidente Lula. "A simples articulação da ideia do terceiro mandato, ainda que envolva apenas parlamentares do baixo clero, tem caráter golpista", disse Freire em nota divulgada à imprensa. Segundo reportagem da Folha de S. Paulo, o deputado Jackson Barreto (PMDB-SE) já reuniu as 171 assinaturas necessárias para protocolar uma Proposta de Emenda Constitucional que prevê um referendo sobre a possibilidade de Lula concorrer a um terceiro mandato.

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Medidas provisórias

o senador Marco Maciel (DEM) defende a revogação do instituto da Medida Provisória, previsto na Constituição, pelo fato de ser próprio dos regimes parlamentaristas e estar impedindo o Congresso Nacional de exercer suas atribuições de legislar.
O diagnóstico é preciso e não merece nenhum tipo de reparo. Mas qual dos dois candidatos à presidência da República concorda com a revogação das Medidas Provisórias, instrumento que permite ao chefe do governo legislar sobre qualquer matéria, desde que seja “urgente e relevante?”. Nenhum.
Introduziram esse instituto na Constituição de 88 (o pernambucano Egídio Ferreira Lima teve uma destacada participação na redação deste capítulo) como forma de dar agilidade às decisões do Poder Executivo e hoje ninguém sabe como se livrar dele.
Categorias: Marco Maciel - Medida Provisória
Escrito por Inaldo Sampaio

Ritmo lento

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) apurou que no Piauí, durante um ano inteiro, apenas nove acusados de homicídios foram a júri popular.CH, 17/05/09.

Mortes impunes

Ministros do STF estão impressionados com a informação de que, em Alagoas, mais de 500 homicídios nem sequer têm inquéritos instaurados. CH,17/05/09.

Ela não se importa?

Os petistas procuram explicações para o fato de a primeira-dama Marisa Letícia não demonstrar interesse pela situação de vítimas de tragédias, como a do Nordeste. Dizem que a opção dela é “ser dona-de-casa”. Se é assim, deveria devolver o gabinete e funcionários que usa no Planalto

Ministério da Saúde estabelece a incorporação de profissionais de Saúde Bucal às equipes de Agentes Comunitários de Saúde

A Saúde Bucal brasileira ganhou no inicio do ano uma boa noticia. Publicada no Diário Oficial da União de 18 de fevereiro de 2009, entrou em vigência , a partir de 17 de fevereiro, a Porttaria 302 do ministério da Saúde que "estabelece que profissionais de Saúde Bucal da estratégia Saúde da Familia poderão ser incorporados às Equipes de Agentes Comunitários de Saúde-EACS'. É a expansão do atendimento odontológico brasileiro, o pragrama irá se expandir muito mais. Os prefeitos já podem abrir a contratação de profissionais e, consequentemente , a implatação de Equipes de Saúde Bucal em seus municipios.

domingo, 17 de maio de 2009

RODRIGO MAIA, PRESIDENTE DO DEM: “O GOVERNO BLEFOU E PERDEU. E NÃO ENTENDE DIREITO O QUE É UMA DEMOCRACIA"

Conversei, com o deputado Rodrigo Maia (DEM), presidente do DEM. O governo chegou a anunciar uma debandada em massa de democratas, que retirariam suas respectivas assinaturas da CPI da Petrobras. Era um blefe. Um único senador do partido mudou de idéia — e dois outros já não haviam assinado. Maia acha que o partido saiu fortalecido do episódio porque conseguiu resistir ao assédio oficial — segundo ele, a mobilização contra a CPI da Petrobras foi inédita, superior àquela para impedir a investigação do mensalão.O presidente do DEM diz ainda que o governo e os petistas não entendem direito como funciona uma democracia. Ele afirma que é legítimo que governos tentem impedir a instalação de CPIs, mas que há modos de fazê-lo. Segundo Maia, “essa história de que falta patriotismo, como disse o presidente Lula, ou de que a investigação vai dificultar os negócios da empresa, como disse a ministra Dilma Rousseff, é uma tentativa de intimidação, não é linguagem política”. E indaga: “O que eles querem dizer? Que, mesmo que haja irregularidades, a gente não deve investigar nada para não prejudicar o país?" E arremata: "Há uma contradição essencial nesse pensamento: então seria preciso condescender com o que está errado para proteger o Brasil? Quer dizer que o que nos prejudica é o que nos salva?” Segue a entrevista:
Blog - Como o senhor explica o desfecho dessa história da instalação da CPI da Petrobras?Rodrigo Maia – O governo blefou. E perdeu feio.No seu partido, os senadores Eliseu Resende (MG) e Rosalba Ciarlini (RN) não assinaram o requerimento, e um outro, Adelmir Santana (DF), retirou a assinatura. O partido está dividido?Não, não está. De jeito nenhum! O governo gostaria que estivesse e fez muita morolinha com essa história. Não tínhamos uma espécie de fechamento de questão em torno da CPI. A direção do partido acha que a investigação é necessária, mas cada senador decidiu segundo a sua consciência. Rosalba e Eliseu Resende não quiseram assinar? A gente respeitou a decisão deles.É, mas a retirada de assinaturas já é uma coisa mais complicada, não? Resta sempre uma suspeita de que o governo tem instrumentos não muito republicanos para pressionar os senadores.Concordo. Os senadores do Democratas sabiam disso. Mas é bom ficar claro que nunca houve esse risco de uma fuga em massa de assinaturas. Isso foi uma plantação do governo. Muito bem feita, por sinal. Mas, como se viu, falsa. O nosso líder, Agripino Maia (RN), havia dito ontem no seu blog que não haveria esse movimento, mas o governo passou o dia alimentando o noticiário com isso, dizendo até que guardaria os nomes em sigilo.
Mas houve uma defecção, de Adelmir Santana, do Distrito Federal.Uma, não sete, como chegaram a dizer. E tenho certeza de que não houve nada aí de que ele possa se envergonhar.O senhor se lembra de ter visto outra mobilização oficial como essa contra uma CPI?Não me lembro. Se quiser saber, ela chegou a ser mais intensa do que aquela para evitar a CPI do Mensalão. Toda a base passou a pressionar de um jeito realmente impressionante.
E por que escolheram justamente o DEM como alvo principal?Porque entenderam errado o resultado da reunião de líderes. O fato de o partido aceitar ouvir numa comissão o Sérgio Gabrielli, presidente da Petrobras, não quer dizer que esteja flertando com o fim da CPI. Mas o governo achou que já tinha liquidado essa fatura e pautou boa parte da imprensa com uma falsidade: o DEM seria contrário à CPI.Qual é a sua hipótese para essa mobilização toda?Não tenho cem por cento de clareza, mas me parece que o governo tem receio de ver expostos, no detalhe, alguns fatos que indicam má gestão ou gestão temerária na Petrobras.O governo vai tentar satanizar as oposições. O trabalho já começou. Os que querem a CPI estão sendo chamados de “antipatriotas” por Lula. Franklin Martins sugere que estão lutando contra os interesses nacionais. O senhor teme esse movimento?Não! A CPI, na verdade, é em defesa da Petrobras. Quem age de maneira pouco ortodoxa na empresa é que atua contra os seus interesses. Não é o nosso caso. Isso demonstra o viés autoritário do governo, como se não fosse próprio das democracias haver CPI. Sempre que eles são investigados, acusam conspiração. Já quando eles querem fazer alguma investigação, aí seu esforço é sempre legítimo. Conhecemos essa tática.Esse governo entende direito o que é a democracia?Sinceramente, acho que não. Está acostumado a pressionar para que compromissos individuais se sobreponham sempre aos compromissos partidários. Faz parte do esforço permanente de tentar desconstituir a oposição.Mas o DEM, quando PFL, no governo FHC, também tentou evitar CPIs. No Distrito Federal, vocês são a situação. Duvido que apóiem a oposição numa proposta de comissão de inquérito. Caso vocês voltem ao poder, os petistas tentarão CPIs, e vocês tentarão evitar, certo?Claro que sim. Entenda bem: eu não estou dizendo que o papel do governo é facilitar CPIs. Governos no mundo inteiro, por mais democráticos que sejam, preferem impedir investigação. Comissão parlamentar de inquérito é própria, embora não uma prerrogativa, das minorias. Não estou, em absoluto, censurando o governo porque tentou impedir a instalação da CPI. Censuro, isto sim, os métodos usados e esse discurso apocalíptico.Que discurso?Essa história de que é falta de patriotismo, como disse o presidente Lula, ou de que a investigação vai dificultar os negócios da empresa, como disse a ministra Dilma Rousseff. Isso é uma tentativa de intimidação. Não é linguagem política. O que eles querem dizer? Que, mesmo que haja irregularidades, a gente não deve investigar nada para não prejudicar o país? Há uma contradição essencial nesse pensamento: então seria preciso condescender com o que está errado para proteger o Brasil? Quer dizer que o que nos prejudica é o que nos salva? Isso não existe. Ninguém está interessado em prejudicar a Petrobras. Todos estamos interessados em preservar a empresa, inclusive daqueles que podem estar se aproveitando dela para práticas não muito republicanas. Uma vez instalada uma comissão, o governo, qualquer governo, nosso ou de outros, tem a obrigação de colaborar com a investigação para que tudo fique claro.Até agora, qual é o saldo para o DEM, depois de ter sido considerado um lago bastante generoso para a pescaria governista?O saldo para o partido é positivo. O que se viu foi uma demonstração de unidade. Dos nossos 14 senadores, apenas três não assinaram o requerimento. Mas não se trata de nenhuma oposição à investigação. O partido demonstrou que pode resistir com grandeza ao assédio governista. O maior que já vi desde que o PT está no poder. E foi também a derrota do blefe. Será melhor para a Petrobras, para a democracia e para o país.Veja,17/05/09.
Por Reinaldo Azevedo

PACTO PELA VIDA

Com a palavra o governador Eduardo Campos e o secretário de defesa social Servilho Paiva, para falar sobre a matéria publicada no jornal britânico The independent, destacando Recife como capital de assassinatos do Brasil, em reportagem da sexta(15/05/09). Será que o programa , Pacto pela vida, do governo do estado é realmente uma FICÇÃO, como diz o lider da oposição deputado Augusto Coutinho(DEM) ? Governo de Pernambuco com a palavra..

sábado, 16 de maio de 2009

Coligações

Se existe algo que estressa todos os deputados estaduais pernambucanos é a definição das coligações proporcionais. Será "chapinha" ou "chapão", é o que todos discutem. Do lado da oposição, PMDB e PSDB querem sair em caminhos próprios, numa posição contrária à do DEM, enquanto entre os governistas, a resistência vem do PT, cuja maioria defende a formação da uma chapinha. DP,16/05/09.

Os campeões de processos

Mais de 30% das cidades de Pernambuco são comandadas por políticos que respondem a pelo menos uma ação penal ou ação civil pública na Justiça estadual. Levantamento realizado pelo Diario de Pernambuco revela que 57 dos 184 atuais prefeitos constam como réus em processos que tramitam na primeira e segunda instâncias do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). Como os mandatos ainda estão no início, boa parte das causas envolve denúncias de irregularidades supostamente cometidas em gestões passadas por prefeitos reeleitos em 2008.Os processos que estão nas gavetas das comarcas locais ou nos gabinetes dos desembargadores do TJPE apontam para acusações de vários tipos de ilegalidades cometidacom a chancela do voto popular. A papelada judicial inclui fraudes em licitações, formação de quadrilha, atos de improbidade administrativa e outras condutas ligadas ao exercício do mandato. Com sete ações cada, os prefeitos Ettore Labanca (PSB), de São Lourenço da Mata, e Romero Magalhães Lêdo (PSB), de Itacuruba, lideram o ranking dos mais processados. Ex-secretário de governo e ex-deputado estadual, Ettore Labanca responde a uma ação civil pública em primeira instância, além de três ações penais e outras três ações penais originárias na segunda instância. Já o colega de Itacuruba é réu em duas ações civis e em outros cinco processos penais.Acusações incluem fraudes e formação de quadrilha Elias Gomes (PSDB), atual prefeito de Jaboatão dos Guararapes, vem logo em seguida. Ele responde a seis ações civis públicas, todas elas fruto da época em que ainda era prefeito do Cabo de Santo Agostinho. A lista dos dez prefeitos mais processados segue com Adelmo Moura, de Itapetim (cinco ações penais); Eduardo Coutinho, de Água Preta (quatro ações públicas e uma penal); Amadeu Oliveira, de Jaqueira (cinco ações penais) e Manoel Botafogo, de Carpina (quatro ações penais). A relação dos prefeitos que respondem nos tribunais e comarcas locais continua com Nemias Gonçalves, de Custódia (três ações penais); José Aldo Mariano, de São Bento do Una, mais conhecido como Padre Aldo (duas ações civis e uma ação penal), encerrando com Everaldo Dias de Arruda, de Sairé (três ações penais).O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), por meio dos promotores de justiça das comarcas locais, é o autor da grande maioria das denúncias recebidas pelos juízes. No caso dos prefeitos em exercício, que possuem foro privilegiado garantido por lei, o processo é automaticamente transferido para a análise de um desembargador do TJPE, que configura a segunda instância. Por indicação do próprio TJPE, que alegou não ter condições de verificar todos os processos em primeira instância contra os prefeitos, a reportagem utilizou o banco de dados do Tribunal disponível na internet para chegar até o ranking dos mais processados. Apenas as ações penais e as ações civis públicas ainda em trâmite foram consideradas. Os processos de caráter pessoal, como as ações de execução fiscal ou até mesmo de investigação de paternidade, ficaram de fora da listagem. DP, 16/05/09.

Tese de FHC

Ao propor uma PEC (Projeto de Emenda Constitucional) na Câmara Federal instituindo no país o voto distrital misto (sistema vigente na Alemanha), para vigorar nas próximas eleições, o deputado Roberto Magalhães (DEM-PE) encampou uma tese de FHC.
O ex-presidente da República sustenta há muito tempo que qualquer projeto de reforma política digno deste nome deve se iniciar pelo voto distrital, puro ou misto, para aproximar o eleitor dos seus representantes.
Categorias: PEC - voto distrital misto - Roberto Magalhães - FHC
Escrito por Inaldo Sampaio

Governo sofre derrota: CPI de Petrobras é aprovada

O governo não conseguiu nesta sexta-feira (15) retirar assinaturas suficientes para impedir a criação da CPI da Petrobras no Senado. Segundo informa a Folha Online, apenas dois senadores tiraram seus nomes do requerimento: Cristovam Buarque (PDT-AM) e Adelmir Santana (DEM-DF). Para que a CPI não fosse instalada, era preciso que mais quatro dos demais 31 senadores recuassem do apoio.
Agora, o requerimento será publicado no Diário Oficial do Senado e os partidos terão um prazo para indicar seus representantes na comissão. Caso as indicações não sejam feitas, caberá ao presidente José Sarney (PMDB-AP) escolher os nomes.
A CPI, pedida pelo senador Álvaro Dias (PSDB-PR), tem como objetivo investigar fraudes em licitações, denúncias de desvio de royalties de petróleo, supostas irregularidades em contratos para a construção de plataformas e da refinaria Abreu e Lima (PE), artifícios contábeis para reduzir o recolhimento de tributos e possíveis irregularidades em patrocínios.Escrito por Magno Martins

Maciel quer União por Pernambuco forte e competitiva

O senador Marco Maciel (DEM) defendeu ontem que os partidos de oposição em Pernambuco devem se empenhar para montar uma chapa competitiva, "não só para a majoritária (de governador e senador), mas também para a disputa proporcional (de deputados)", segundo reportagem do Diario de Pernambuco. "Defendo que se revigore e se restaure a chamada aliança União por Pernambuco", afirmou Maciel, após marcar presença, com direito a discurso, na abertura do fórum organizado pelo movimento Novos Líderes, em Porto de Galinhas.
Informa anda o jornal que o senador diz que está acompanhando o movimento dos partidos e tem certeza de que as legendas estarão juntas. Para ele, as coligações são fundamentais. "Quanto mais legendas agregamos, maior o tempo na TV e no rádio, maior o número de candidatos", justificou. Depois, recorreu ao estilo ponderado de sempre: "Mas isso só será possível se coincidir com o interesse dos partidos".Escrito por Magno Martins

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Jornal britânico destaca Recife como capital de assassinatos do Brasil

O jornal britânico The Independent publicou em sua edição desta sexta-feira uma reportagem sobre o alto índice de assassinatos em Recife, capital do Estado de Pernambuco, com o título "Morte aos indesejáveis: A capital de assassinatos do Brasil".
A reportagem diz que apesar de atrair um milhão de turistas estrangeiros, quase 3 mil pessoas foram mortas na cidade no ano passado e que muitas dessas mortes foram provocadas por policiais.
O repórter diz que conseguiu convencer um policial a falar sobre os assassinatos que cometeu. Ele é supostamente integrante de um esquadrão da morte e estaria na corporação há 20 anos.
"Ele tinha matado pessoalmente mais de 30 pessoas e disse que sua equipe tinha matado mais de 50", afirma o artigo.
De acordo com o repórter Evan Williams, o policial justificou sua ação afirmando que não sente remorsos porque está desempenhando "um serviço social".
"É certo tomar uma vida humana nestes casos, porque leva muito tempo para que os processos judiciais aqui tramitem e o traficante ou assassino que nós podemos prender como policiais podem ser libertados no dia seguinte e voltar para as ruas e matar e vender drogas de novo. Então é muito melhor para nós (...) matá-los e resolver o problema assim", disse o integrante do esquadrão da morte, de acordo com Williams.
Segundo a reportagem, o entrevistado, que não quis ter seu nome revelado, caçoou das iniciativas da cúpula da polícia para reprimir a atuação dos esquadrões da morte, que levaram à prisão de centenas de suspeitos em todo o Estado.
"O homem que entrevistamos sobre esta suposta repressão riu e disse que ele não tem medo de ser preso porque vários dos policiais mais graduados estão envolvidos", escreveu o repórter.
Williams disse que o integrante do esquadrão da morte descreveu o processo da seguinte forma: "Olha, funciona assim: o policial de nível de detetive ou coronel nos chama para uma reunião. Eles dizem: tem um cara de quem nós queremos que você cuide, que mate até sexta-feira. Nós vamos e fazemos o serviço, então muitos policiais estão envolvidos".
O repórter afirma ainda que o Secretário de Defesa Social de Pernambuco, Servilho Silva de Paiva, disse que a polícia e o governo do Estado estão seriamente empenhados na prisão de qualquer policial envolvido em esquadrões da morte, mas "admite uma responsabilidade limitada sobre as ações de policiais em esquadrões da morte".
Segundo Williams, Paiva disse que pesa sobre as autoridades a responsabilidade quando um policial em serviço mata uma pessoa.
"Se ele estiver de folga, não é nossa responsabilidade", afirmou o secretário, de acordo com o repórter britânico.
Williams ouviu ainda um assistente social, um representante de uma ONG e um menino de rua na reportagem que buscou mostrar também o perfil das vítimas dos esquadrões da morte.
A reportagem será apresentada em vídeo no Channel 4, da TV britânica, nesta sexta-feira.

Ficção

Do líder da Oposição, deputado Augusto Coutinho (DEM) ao comentar a propaganda sobre os dois anos do Pacto pela Vida, estrelada pelo ator Milton Gonçalves: "Por falta de resultados para mostrar, o governo escalou um ator. Só mesmo quem entende tudo de ficção e não vive em Pernambuco pode "representar" que a segurança no estado está às mil maravilhas". É, infelizmente, os ganhos alcançados pelo programa ainda estão muito distantes da realidade que vive nas ruas.

quinta-feira, 14 de maio de 2009

Livre Pensar

“Sempre fui claro e direto nas minhas colocações. Todos nós concordamos que nessas eleições está em jogo de um lado os interesses da família Sarney, com seu grupo de amigos, parentes, empresas, seus negócios, suas rádios, suas televisões e jornais; e do outro lado, os interesses do povo maranhense, sempre deixado de lado por eles.”
“Votar em Roseana Sarney é votar para manter a família no poder, é votar para manter os privilégios, as mordomias, as facilidades de um pequeno grupo de privilegiados que se colocam acima dos interesses do estado, acima do governo e dos governadores e que se utilizam sem dó e nem piedade de tudo e de todos”
“A candidata Roseana Sarney é uma farsa, uma criação sem consistência, uma mentira. Não sabe e não entende absolutamente nada, ela representa apenas os interesses econômicos de sua família, que vivem á sombra dos governos se aproveitando de maneira vergonhosa do povo maranhense. Não vote em branco, não vote nulo, vote em Jackson, mas vote”. - Ricardo Murad, em 2002.
“A Roseana, que não é mais Sarney, não tem condições de administrar tantos apetites. A briga entre eles é constante e vai aumentar.
E a raiva e o desejo de vingança é tão grande que ela não vai se conter e vai partir para a perseguição dos adversários e inimigos. Isso só pode aumentar a , já grande, rejeição do grupo Sarney e dela própria.
Além disso, o Sarney se enfraquece nacionalmente e já é tratado como um político qualquer e, pior, suspeito de muitos desmandos.
Se estivermos unidos e praticarmos oposição enfrentando com sucesso o bloqueio midiático, venceremos. Creio que a oposição se unirá em torno dos reais interesses do nosso povo. – José Reinaldo Tavares.
Escrito por Edson Vidigal

TSE nega recurso a Cunha Lima

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Carlos Ayres Britto, negou hoje (14) o pedido do governador cassado da Paraíba, Cássio Cunha Lima (PSDB), que pretendia que seu recurso fosse encaminhado para ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Cássio e o vice, José Lacerda Neto,foram acusados de abuso de poder econômico e político na eleição de 2006. No recurso, a defesa do ex-governador alegou que houve falha no julgamento do TSE, pois Lacerda Neto não foi citado para se defender, o que teria causado prejuízos, uma vez que não permitiu a produção de provas e assim ele não pôde exercer seu direito desde o início da causa.O ministro Ayres Britto decidiu que o recurso não deve ser aceito e, portanto, não será analisado pelo STF. No lugar de Cunha Lima, o senador José Maranhão (PMDB-PB) assumiu o governo.

Candidato à reeleição em 2010

O Deputado Emanuel Bringel (PSDB) encomendou uma pesquisa ao Cecope (Centro de Consultoria e Pesquisa) para avaliar vários cenários no município de Araripina.
1º cenário – O prefeito Lula Sampaio (PTB), que é seu principal adversário, tem 89% de aprovação e apenas 8% de rejeição.
2ºcenário – Se a eleição para presidente fosse hoje, Serra teria 33% da votação, ante 21% de Dilma Rousseff, 16% de Ciro Gomes e 1% de Aécio Neves.
3º cenário – Se a eleição para governador fosse hoje, Eduardo Campos teria 58% da votação, ante 31% de Jarbas Vasconcelos.
4º cenário – Se a eleição para o Senado fosse hoje, Marco Maciel (DEM) chegaria em primeiro com 24% das intenções de voto, ante 20% de Sérgio Guerra (PSDB) e Armando Monteiro (PTB) e 4% de João Paulo (PT).
5º cenário – Se a eleição para a Assembleia Legislativa fosse hoje, Emanuel Bringel (PSDB) e Raimundo Pimentel (PSDB) estariam tecnicamente empata)os com, respectivamente, 41% e 39% das intenções de voto.
6º cenário – 49% dos eleitores pretendem votar no candidato do prefeito, que é o deputado Raimundo Pimentel.
Categorias: Emanuel Bringel - Cecope - Araripina - pesquisa

Pobre e preto

Advogado que conhece como a palma da mão o Tribunal Regional Eleitoral fez o seguinte comentário sobre a absolvição na noite desta quarta-feira do vereador recifense Marcos di Bria (PTC), acusado de passar cheques sem fundo na campanha:
- Depois que absolveram João da Costa da acusação de uso da máquina com finalidade eleitoral, ficaria muito ruim para a Corte Eleitoral cassar um líder popular, que além de pobre é preto.
Escrito por Inaldo Sampaio

DEM cobra seu preço a Sérgio Guerra

Eleições 2010 // Partido exige do PSDB uma coligação para deputado estadual e federal em troca do apoio à reeleição do senador.
As diferenças entre Democratas e PSDB estão cada dia mais aguçadas nesta fase em que a oposição se articula para retomar em 2010 a aliança que governou Pernambuco entre 1999 e 2006. Depois de externar a possibilidade de apoiar o deputado Armando Monteiro Neto (PTB) na corrida pelo Senado, em detrimento da reeleição do senador Sérgio Guerra (PSDB), o DEM volta a ameaçar. Desta vez condiciona a adesão à candidatura do tucano à entrada do PSDB numa coligação para a corrida à Câmara dos Deputados e à Assembleia Legislativa. Líderes do PSDB, porém, já afirmaram que não desejam essa coligação.A atitude do DEM é resultado da soma de fatores que inclui ainda a boa relação cultivada por Guerra e prefeitos do PSDB com o governador Eduardo Campos (PSB), pré-candidato à reeleição, desafeto do ex-governador e senador Jarbas Vasconcelos (PMDB), nome preferido pela oposição para a disputa do governo no próximo ano. Os oposicionistas entendem que, ao se mostrar afinado com o atual governo, Guerra contribui para desestimular Jarbas a voltar a concorrer ao Executivo. O incômodo do DEM tem sido levado a Guerra nas constantes visitas que o deputado José Mendonça e o presidente regional da legenda, Mendonça Filho, têm feito ao senador. Os democratas querem garantias de que os tucanos estarão presentes no chapão. Afinal, precisam de quadros com reais chances de vitória para viabilizar a reeleição de Marco Maciel ao Senado - prioridade da sigla para 2010. No entanto, Guerra, presidente nacional do PSDB e principal liderança do partido em Pernambuco, ainda não sinalizou se interferirá na questão. O DEM decidiu, então, jogar duro. "Como os nossos deputados votarão num candidato (ao Senado) de um partido que se coloca como adversário?", indagou ontem um democrata em reserva. "Aliás, é bom deixar claro que se não coligarmos para estadual, não nos coligaremos para nada. Nem para a disputa federal, nem para o Senado". Embora informe que não esteja ainda discutindo internamente suachapa, o DEM afirma que a postura do PSDB inviabiliza, por exemplo, a repetição da coligação para deputado federal ocorrida em 2006. Na época, ao se unirem ao PSDB e PMDB, os democratas, dizem eles, perderam duas cadeiras. Elegeram Roberto Magalhães, André de Paula e José Mendonça, mas amargaram as derrotas de Joaquim Francisco e Roberto Liberato, cujas vagas eram tidas como certas. Em contrapartida, o PSDB, que não contava com representantes na Câmara, elegeu Bruno Araújo e Bruno Rodrigues.O DEM é reticente ao fazer prognósticos de quantos deputados poderá eleger caso concorra isoladamente ou com chapão. Se sair sozinho, estima-se, o DEM pode perder de três a quatro cadeiras das sete que tem hoje. Ao mesmo tempo, um chapão com PSDB, PPS, PMN e PMDB garantiria aos democratas mais vagas, sendo quatro praticamente certas: as de Miriam Lacerda, Maviael Cavalcanti, Ciro Coelho e João Mendonça (ex-prefeito de Belo Jardim, que herdaria os votos de Augusto Coutinho, que deve concorrer a deputado federal). É essa possilidade de largar com uma desvantagem de quatro a zero o que assusta o PSDB, hoje com sete cadeiras. DP 14/05/2009.

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Miriam Lacerda diz que crise na saúde se agravou e José Queiroz quer transformar o hospital em teatro

A deputada Miriam Lacerda (DEM) afirmou, nesta quarta-feira (13), na Assembleia, que a crise na saúde se agravou em Pernambuco, particularmente em Caruaru, onde classificou de caótica a situação da rede muicipal.
Depois de lembrar que o governador Eduardo Campos (PSB) prometeu acabar com as filas dos hospitais e não cumpriu, ela criticou o ex-secetário de Saúde do governo do Estado, Jorge Gomes e o atual, João Lyra Neto: "Os dois são de Caruaru, meu município, mas o primeiro não conseguiu melhorar o atendimento à população, em especial a mais carente, e o segundo vai no mesmo caminho.
O Hospital Regional do Agreste está em petição de miséria e o Hospital Jesus de Nazareno orienta as gestantes a procurar atendimento em Bezerros ou Vitória de Santo Antão, um horror", afirmou a parlamentar.
Miriam Lacerda denunciou também que o prefeito de Caruaru, José Queiroz (PDT), quer transformar o Hospital São Sebastião, que está fechado, em um teatro.
“O ideal seria aproveitar o Hospital São Sebastião para funcionar como hospital de urgência clínica", disse a deputada.
"Infelizmente a promessa do governador virou falsa moeda da retórica política e o estelionato, reiteradamente utilizado nas campanhas eleitorais. Reacendem e matam esperanças, deixando em cada eleitor que confiou na palavra e na promessa as marcas de profunda frustração".

DEM critica tributação de poupança

O presidente do Democratas (DEM), deputado Rodrigo Maia (RJ), criticou hoje (13), em nota à imprensa, a decisão do governo Lula de tributar os rendimentos da caderneta de poupança. Segundo ele, o Democratas é “totalmente contra” a criação de impostos. De acordo com as novas medidas, serão tributados depósitos acima de R$ 50 mil a partir de 2010, se a taxa básica de juros (Selic) ficar abaixo dos atuais 10,50% ao ano. Maia também advertiu que a possibilidade de redução do imposto de renda para aplicações em fundos de investimento, poderá provocar queda na arrecadação dos Estados e municípios, já que o imposto de renda é um tributo compartilhado. A proposta do Executivo será enviada ao Congresso. Escrito por Claudio Humberto

terça-feira, 12 de maio de 2009

Eduardo Campos inaugura obra de Roberto Magalhães

Durante as comemorações do centenário de São José do Egito, o Governador Eduardo Campos Inaugurou uma sala, que apenas pintou com a marca de seu governo, construida durante o governo de Roberto Magalhães, no parque de Exposições José Custódio de Lima. Colocou uma placa de propaganda na avenida como uma obra do seu governo, com implantação do escritório da ADAGRO em São José, que também já existia desde o governo de Jarbas/Mendonça. Será que Eduardo pensa que o povo de São José e de Pernambuco é besta ? Vá trabalhar Governador.

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Oficina na AACD de Recife

Seis emendas dos deputados André de Paula (DEM), Roberto Magalhães (DEM), Carlos Eduardo Cadoca (PSC) e José Múcio Monteiro (PTB), antes de assumir o Ministério das Relações Institucionais, garantiram R$ 500 mil do OGU para construção e aparelhagem de uma oficina ortopédica na AACD de Recife, que será inaugurada na quinta-feira. DP- 11/05/o9.

Perigo no interior

A candidatura de Marco Maciel (DEM), que pretende renovar seu mandato para o Senado, é um perigo no interior do estado. Maciel, que está bem colocados na disputa, pode ter muitos votos nas bases do PR, de Inocêncio Oliveira, o que pode prejudicar a possível candidatura de Armando Neto ao Senado. DP-11/o5/09.

Oposição selará aliança em junho

Evento visando 2010 reunirá representantes do Democratas, PMDB, PSDB e PPS. MENDONÇA FILHO garante que ainda não será decidido o nome do candidato . Ainda sem definição do nome que enfrentará o governador Eduardo Campos (PSB) em 2010, o bloco oposicionista decidiu selar, oficialmente, na segunda quinzena de junho, o compromisso dos quatro partidos (PMDB, PSDB, PPS e DEM) que vão reeditar a antiga aliança União por Pernambuco. O grande evento, que já vinha sendo prorrogado desde fevereiro, terá sua data e local definidos durante esta semana, segundo informou o presidente estadual do Democratas, Mendonça Filho. As lideranças partidárias pretendem aproveitar a ocasião para carimbar a largada do grupo rumo à disputa do Governo do Estado. Mas nada de “dar nome aos bois” por enquanto. “Nome do candidato só em 2010. No máximo, vamos reforçar os nomes de Marco Maciel (DEM) e Sérgio Guerra (PSDB), os dois senadores”, assinalou Mendonça. A demora para divulgação da pré-candidatura, disse o presidente estadual democrata, em nada tem a ver com a postura do presidente nacional do PSDB, Sérgio Guerra, que estaria sendo compreensivo com o fato de alguns prefeitos tucanos apoiarem o governador socialista em seu projeto de reeleição. Com a onda de adesismo, dada na última semana, alguns aliados oposicionistas teriam entendido que a maleabilidade de Guerra com o fato seria um tipo de jogo contra a candidatura do senador Jarbas Vansconcelos (PMDB). O peemedebista tem seu nome no topo da lista dos potenciais a representar a União e enfrentar Eduardo, mas só entrará na “batalha”, caso consolide-se uma trincheira segura. “O processo é assim, naturalmente, longo”, minimizou Mendonça. Ele informou também que não estará hoje no evento do PSDB na Paraíba, que contará com a presença do governador de Minas Gerais e presidenciável, Aécio Neves. O presidente nacional do DEM, Rodrigo Maia, comparecerá em nome da sigla. CARAVANATambém ainda são aguardados a data e roteiro da próxima incursão do Democratas nas Ruas à Zona da Mata. Segundo Mendonça Filho, a perspectiva é entre o final de maio e primeira quinzena de junho. Escrito por Renata Bezerra de Melo

Jurandir desce a lenha em Totonho e leva debate para o campo pessoal

O bancário aposentado Jurandir Pires desceu o sarrafo, com gosto, no prefeito Totonho Valadares (PSB) na manhã desta quinta-feira, 30, através de uma emissora de rádio local. Jurandir bradou pelos microfones. “Eu gostaria que ele não tivesse medo de mim porque eu não tenho medo dele, nem sou capacho dele, nem sou lambai dele; com ele eu não quero mais conversa, eu sou uma pessoa que quando eu isolo, isolo”.Mais empolgado ainda Jurandir afirmou que Valadares deveria se preocupar com os bairros e os funcionários: “Ele devia se preocupar com os bairros que estão abandonados, as periferias, os funcionários que estão sem receber e não tiveram aumento, e não com besteira na Praça, pois 80% a 100% não aceita o corte nas calçadas!”. Jurandir Pires falou que é independente e que nunca dependeu de salário público: “Nunca dependi de herança, nunca dependi de salário público, nunca dependi de tirar nada do meu avô, nem do meu pai, nem da minha mãe, nem do meu irmão. A minha vida é aberta, tudo que consegui foi trabalhando, não foi com ajuda de pai”.Sobre a obra do Sistema Viário de Contorno Jurandir comentou: “Foi muito mal feito, porque foram tapados inúmeros buracos antes de inaugurar. Tem muitas curvas, os postes estão dando choques, e o material colocado é muito fraco, melhor dizendo, é horrível. Como é que se faz ponte se aqui não passa mais trem por cima, bastava aterrar, não precisava gastar dinheiro com ponte”.Sobre os Servidores Municipais disse que não receberam aumento: “Hoje você vê os funcionários do município todo reclamando da falta de aumento de salário, porque todo mundo já o conhece, ele não gosta de funcionário. Quando ele não tem mídia, procura uma confusãozinha para procurar aparecer”.Sobre o CEFET fez duras críticas: “Foi construído em posição errada, num lugar que nem estrada havia, tinha que ser construído na cidade para os estudantes pobres. O Centro Tecnológico também foi colocado longe da Escola Monteiro Lobato, da Escola Dom Mota, longe da Faculdade, longe do Monsenhor; colocaram lá não sei aonde, porque encontraram fácil, o terreno já era da prefeitura, comprado pela gestão anterior e apenas colocaram alguns computadores”.E finalizou falando sobre a cobrança do IPTU e criação da CIP: “As cobranças têm que ser ajustadas pelo Código Tributário e pela Constituição Federal e não a bel prazer de alguns VEREADORES CAPACHOS que votaram à luz da meia noite a ordem que ele manda e tem que fazer assim. Votaram tudo errado, no Código tem EXPLORAÇÃO DE BACIA DE PETRÓLEO, EXPLORAÇÃO DE HOTÉIS DA ORLA MARÍTIMA. Isso não existe, tanto de mar como de terra, pegaram o Código do Recife e implantaram aqui, inclusive tem até conforme determinação do Decreto-Lei 190 que aqui não chegou nem ao número 12, então como é que vai ter o número 190? Não tiveram sequer atenção de ajustar e moldar o Código ao município. Nele tem as aberrações maior do mundo”. blog do Itamar

IMPOSTOS

Por que será que no interior é tudo mais difícil em se tratando de benefícios financeiros para os contribuintes? Se não, vejamos: Afogados da Ingazeira é uma das cidades interioranas onde se vendem os combustíveis mais caros do estado. Explicação? Os proprietários de postos falam que os impostos são mais elevados: o governo federal abriu mão do IPI para os eletrodomésticos brancos e quando vamos às lojas, essa redução não existe e sabem por quê? Os proprietários das lojas alegam que os seus estoques são velhos e não obtiveram isenção nenhuma, portanto se quisermos comprar um desses aparelhos tem que ser sem descontos. Fiscalização? Aí sim, é que falamos em coisa mais difícil ainda, parece até que os que fiscalizam ou não recebem diárias para tais serviços ou estão recebendo as diárias dos "empresários" locais, e olha que só estou falando da minha cidade e as outras? Pedro Araújo - Afogados da Ingazeira - PE - DP de 10/05

Serra volta a criticar o governo Lula

Apesar de avisar à plateia que não falaria como eventual candidato à Presidência, o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), fez hoje um discurso recheado de críticas à política econômica do governo Luiz Inácio Lula da Silva no encerramento do Fórum Exame, na capital paulista, que abordou as alternativas para a retomada da economia depois da crise. Serra acusou o Banco Central (BC) de ser "patrono" de uma "ciranda financeira" baseada em juros altos e câmbio desvalorizado,informou a Agência Estado.O governador paulista comparou o efeito da atuação do BC ao esquema especulativo de pirâmide - no qual o rendimento dos investidores mais antigos é pago pelos recursos dos investidores mais recentes - criado pelo imigrante italiano Carlo Ponzi durante os anos 1920, nos Estados Unidos. "Eu tenho um câmbio que não me remunera como exportador, antecipo a entrada de dólar aplico na maior taxa de juros do mundo, compro dólar mais barato e saio ganhando, numa cadeia da felicidade, uma espécie de efeito Ponzi caboclo", afirmou.Em entrevista após o evento, o tucano disse que o BC comete esse tipo de erro por falta de conhecimento. "Não é má-fé nem problema das metas de inflação, mas de insuficiente conhecimento da economia e de modelos inadequados que partem de demasiadas suposições, não muito realistas", disse o governador.Escrito por Magno Martins

domingo, 10 de maio de 2009

PIB brasileiro indica recessão no 1º trimestre

Os modelos de previsão do Produto Interno Bruto (PIB) utilizados pela equipe econômica indicam que o Brasil entrou em recessão no primeiro trimestre e o tombo da economia foi bem maior do que se esperava, entre 2% e 3% - é provável que fique mais perto dos 3%. Os números oficiais serão divulgados apenas no dia 9 de junho. Essas estimativas são baseadas tanto no comportamento da arrecadação de impostos quanto no desempenho do setor industrial, que apresentou queda de 7,9% nos três primeiros meses do ano ante o último trimestre do ano passado, noticiou a Agência Estado.
Os economistas costumam dizer que um país entra em recessão técnica quando apresenta queda no PIB por dois trimestres seguidos. Como o PIB brasileiro caiu 3,6% no último trimestre de 2008 e sofreu novo baque no primeiro trimestre de 2009, os técnicos consideram que estaríamos em recessão técnica, apesar de essa definição ser questionada.
O próprio governo já ensaia um discurso para tentar apagar da memória do mercado a má impressão causada pelo primeiro trimestre. “O ritmo de recuperação é muito mais forte do que se pode imaginar”, disse um ministro, avaliando que a recessão (ou como se queira chamar as duas quedas seguidas no PIB) não passou de um soluço da economia. Os técnicos da equipe econômica, entretanto, não são tão otimistas quanto ao ritmo de recuperação. “A Bolsa de Valores está subindo sem que tenha ocorrido nenhum fato relevante, impulsionada pelo capital externo, que talvez tenha sido atraído pela queda dos juros”, diz um assessor econômico do governo.Escrito por Magno Martins

Seminário dos tucanos

Deve ter sido com dor de consciência que o PSDB nacional resolveu fazer um seminário em João Pessoa, nesta segunda-feira, sobre políticas sociais.
É que o partido foi pouco solidário com o governador cassado, Cássio Cunha Lima, que fundou a legenda no Estado junto com seu pai Ronaldo Cunha Lima.
Depois que o governador perdeu o mandato, por decisão unânime do TSE, a direção do partido divulgou uma nota de “solidariedade”, mas só para não ser acusada de omissão.
É que Cássio, embora filiado ao PSDB, sempre foi tido na legenda como “lulista enrustido” a ponto de ter declarado numa solenidade pública no município de Itapetim, no sertão pernambucano, em meados do ano passado, que Lula foi o maior presidente que o Brasil já teve.
Agora está colhendo o que plantou.

Categorias: PSDB - João Pessoa - seminário - Cássio Cunha Lima
Escrito por Inaldo Sampaio

sábado, 9 de maio de 2009

CENTRAL DE BOATOS

O planalto soube que a falsa "demissão iminente" do ministro José Múcio (articulação politica) foi obra de pessoas ligadas ao deputado Arlindo Chinaglia(PT-SP) que faz campanha para ocupar um ministerio.Qualquer um.

ALÉM DE TUDO,AUSENTE

O deputado Sérgio Moraes(PTB-RS) que 'não tem medo' de absorver o deputado do castelo, faltou a metade das reuniões da comissão que intrega e fez só três proporsições. Nenhuma foi aprovada pela Câmara dos deputados.

PAROU

O PAC da candidata Dilma Rousseff(PT) só concluiu 31% das obras projetadas para São Paulo, governado pelo adversário José Serra(PSDB).

sexta-feira, 8 de maio de 2009

PREÇOS NÃO BAIXAM

Se depender do conselho de política econômica do Banco Central. A gasolina e o gás de cozinha não baixam de preço. O Copom acha um perigo , com a volatilidade das cotações do petróleo no mercado.

DISTRITO FEDERAL :PAULO OCTAVIO CONTINUA VICE EM 201O

O Governador do Distrito Federal , José Roberto Arruda, reuniu secretários e aliados para informar sua chapa majoritária para a eleição de 2010: Ele será candidato à reeleição ,Paulo Octavio será Vice e o Deputado Tadeu Filippelli(PMDB) será o Senador.O Vice Paulo Octavio no entanto, diz que isso ainda não está inteiramente definido, "Qualquer acordo será fechado no âmbito do partido(DEMOCRATAS).

AMANTE À ANTIGA

O Senador Jarbas Vasconcelos(PMDB-PE) deixa Brasilia correndo, nesta sexta. Tem camarote reservado no show de Roberto Carlos, chevrolet Hall, de Recife. O Senador é do tipo que ainda manda flores.

NOTA TRISTE

É muito grave o estado de saúde do Deputado e Médico José Aristodemo Pinotti(DEM-SP), ex-Secretário de Saúde do governo de José Serra(PSDB-SP).

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Portas fechadas

São José do Egito amanheceu no final de semana com um hospital a menos. Após mais de uma década de funcionamento, o Hospital Menino Jesus, de propriedade do ex-deputado José Marcos (PR), encerrou definitivamente suas atividades.O hospital foi inaugurado na década de 90 para ser centro de referência hospitalar na região do Pajeú mas ultimamente entrou em crise por absoluta falta de receita, que não era suficiente para bancar a folha dos médicos, dos enfermeiros e dos servidores administrativos.Antes de fechá-lo em caráter definitivo, o deputado fez duas tentativas de arrendamento mas ambas se revelaram infrutíferas. Os arrendatários tiveram prejuízo e devolveram o pepino ao seu dono. O hospital tinha mais de cem leitos, UTI para adulto e pediátrica, bloco cirúrgico, sala de parto, etc. E uma ótima estrutura administrativa.Para sobreviver só do SUS era impossível e receita privada não existia. A cidade conta agora com um único hospital – Unidade Mista Maria Rafael de Siqueira – que foi municipalizado na gestão Jarbas e está sob direção do médico petista Romério Guimarães, provável candidato a prefeito em 2012.Seria oportuno que o secretário de saúde João Lyra Neto entrasse em contato com o ex-deputado José Marcos para dar uma destinação nobre àquela estrutura porque um hospital daquele porte, fechado, num município do Sertão, é um crime.

terça-feira, 5 de maio de 2009

CROs iniciam novos mandatos

Em 2008, além das eleições municipais que definiram os novos prefeitos e vereadores, a classe odontológica foi chamada a exercer seu voto para escolher os dirigentes de 26 Conselhos Regionais. Atenção especial para os Conselhos de Pernambuco e da Paraiba.
PERNAMBUCO- A chapa encabeçada pelo atual presidente do CRO-PE, José Ricardo Dias Pereira, foi reeleita. Seu mandato vai até 16 de março de 2011.
PARAIBA- A classe paraibana reelegeu o plenário presidido por Leonardo Marconi Cavalcanti de Oliveira, que terá mandato até julho de 2010.

segunda-feira, 4 de maio de 2009

TODOS JUNTOS EM NOME DO PODER, PELO PODER

No Distrito de Riacho do Meio, municipio de São José do Egito/PE. Na festa dos trabalhadores (Dia do trabalho), patrocinada pelo Senhor Antônio Andrade com a participação de vários poetas repentistas, Banda Pinga Fogo, Bia Marinho, Lostiba e Delmiro Barros. O partido dos trabalhadores(PT) comandado pelo seu Presidente Romerio Guimarães e pelo Vereador Rona Leite e o partido da republica(PR) do ex-Deputado José Marcos fizeram a primeira aparição publica juntos na terra da poesia. Já que o comentário era de encontros em lugares fechados, com troca de elogios entre os participantes José Marcos e Nenê Patriota. É o inicio de dialogos sobre uma aliança para as eleições de 2010 e 2012 entre os dois partidos, tanto defendida pelo Vereador Rona como pelo ex-Deputado. O tempo vai confirmar o que o povo já sabe! Será que tem traição nos bastidores?

domingo, 3 de maio de 2009

PRIORIDADES DE TONY

Ex-Prefeito e Vereador de Caruaru Tony Gel (DEM), não sai da vitrine politica por conta da troca de farpas com o Prefeito José Queiroz (PDT), mas ele enfatiza que suas prioridades são a reeleição da Deputada Miriam Lacerda (DEM) para a assembleia , Jarbas Vasconcelos (PMDB) para Governador e Marco Maciel (DEM) para Senador em 2010.

FHC diz que discorda mais que Lula do uso de passagens

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou ter uma postura 'mais restritiva' do que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva no que diz respeito às denúncias sobre o uso irregular da cota de passagens aéreas da Câmara pelos deputados, segundo informa o Correio Braziliense. Em declarações recentes à imprensa, Lula minimizou a polêmica gerada em torno do assunto por acreditar que 'sempre foi assim'.'Não quero entrar na questão porque é a opinião dele', disse FHC. Em seguida, ao ser questionado sobre sua opinião, ele disse que é mais restritivo em relação ao tema. 'O que está em jogo é o uso de passagens para viagens internacionais. Eu acho que isso está fora de qualquer propósito', afirmou, após evento realizado neste domingo (03/05) no Palácio do Governo para homenagear o ex-presidente dos Estados Unidos Jimmy Carter.

PSB veta participação de filiados no governo Roseana


O Partido Socialista Brasileiro, o PSB 40, fechou questão e não vai admitir que seus filiados participem ou colaborem, direta ou indiretamente, com a atual administração da senhora Roseana Sarney Murad no Governo do Estado.
Isto vale para os Deputados Estaduais, para os Prefeitos Municipais, para os Vereadores, todos que tenham sido eleitos sob sua legenda, e também para qualquer filiado.
O Diretório Regional assim deliberou, por unanimidade, fixando a decisão como diretriz partidária a ser obedecida, sob pena de perda do mandato ou da condição de filiado.
A ata da reunião do Diretório será encaminhada ao Tribunal Regional Eleitoral e, após simples registro, enviada com oficio às Mesas da Assembléia Legislativa e Câmaras Municipais.(Do blog de Edson Vidigal)

Esconde esconde

Agência Senado. Embora não deseje ser candidato, Jarbas não dirá que é nem que não é antes de janeiro de 2010. É a tática que utilizará para confundir os partidos governistas, que até aquela data vão ficar se perguntando: “O homem é ou não é?”
Categorias: Jarbas Vasconcelos
Escrito por Inaldo Sampaio

CURA DO CÃNCER

Cura do câncer -FINALMENTE Um médico italiano descobriu algo simplesque considera a causa do câncer.Inicialmente banido da comunidade médica italiana, foi aplaudido de péna Associação Americana contra o Câncer quando apresentou sua terapia.O médico observou que todo paciente de câncer tem aftas. Isso já erasabido da comunidade médica, mas sempre foi tratada como uma infecçãooportunista por fungos - Candida albicans. Esse médico achou muitoestranho que todos os tipo de câncer tivessem essa característica, ouseja, vários são os tipos de tumores mas têm em comum o aparecimentodas famosas aftas no paciente. Então, pode estar ocorrendo o contrário- pensou ele. A causa do câncer pode ser o fungo. E, para tratar essefungo, usa-se o medicamento mais simples que a humanidade conhece:bicarbonato de sódio. Assim ele começou a tratar seus pacientes combicarbonado de sódio, não apenas ingerível, mas metódicamentecontrolado sobre os tumores.Resultados surpreendentes começaram aacontecer. Tumores de pulmão, próstata e intestino desapareciam comonum passe de mágica, junto com as Aftas. Desta forma, muitíssimospacientes de câncer foram curados e hoje comprovam comseus exames os resultados altamente positivos do tratamento.Para quemse interessar mais pelo assunto, siga o link (em inglês): não deixemde ver o video, no link abaixo.O médico fala em italiano, mas temlegenda em portugûes. http://www.curenaturalicancro.com/Lá estão os métodos utilizados para aplicação do bicarbonado de sódiosobre os tumores. Quaisquer tumores podem ser curados com essetratamento simples e barato. Parece brincadeira, né? Mas foi notícianos EUA e nunca chegou por aqui. Bem que o livro de homeopatiarecomenda tratar tumores com borax, que é o remédio homeopático paraaftas. Afinal, uma boa notícia em meio a tantas ruins.De novo, a pergunta que não quer calar: por que a grande imprensa nãodá a menor cobertura a isso? Nem na TV, nem nas rádios, nem nosgrandes jornais... Absolutamente nada. Quem os proíbe de noticiar? Omédico teve que construir um site, para divulgar o seu trabalho decurar o câncer (ou, pelo menos, várias das suas formas), usando apenassolução de bicarbonato de sódio a 20%. Imaginem! Bicarbonato de sódio,coisa que a gente encontra até no boteco da esquina. Neste endereço, ovídeo, onde o médico italiano mostra a evolução do tratamento até acompleta cura em 4 casos:http://www.cancer-fungus.com/sub-v1pt/sub-pt.htmlNeste, o site em Português. Clicando-se nas bandeirinhas no alto dapágina, muda-se o idioma:http://www.cancerfungus.com/simoncini-cancro-fungo.phpRepasse,Milhares estão à beira da morte por causa dessa doença.VAI ACABAR A FARRA DOS LUCROS DOS LABORATÓRIOS... - É POR ISTO QUE ANOTÍCIA ESTÁ RESERVADA AOS PEQUENOS CÍRCULOS ?!?!?!?A GANÂNCIA DAS MULTINACIONAS QUE LUCRAM BILHÕES DE DOLARES COMMEDICAMENTOS EM TODO MUNDO, FAZ QUE GOVERNOS E A GRANDE IMPRENSA QUERECEBE MILHÕES DE DOLARES ESCONDAM ESTA CURA TÃO SIMPLES????Cabe agora que organismos sérios formados por pesquisadores honestos eindependentes prossigam nestas pesquisas, é possível que algumasformas de CANCER provocadas por radiação solar, ou radiação atômicanão sejas tão fáceis de curar assim, contudo outras centenas de tiposde CANCER poderão ser.