quarta-feira, 30 de junho de 2010

Convenção‏ das oposições de Pernambuco

Benone Leão agora é Estadual !!!

Democratas confirma a candidatura de Benone Leão para deputado estadual, com Mendonça Filho deputado federal, Marco Maciel senador, Raul Jungman senador e Jarbas Vasconcelos governador. Pernambuco Pode Mais !!!

terça-feira, 29 de junho de 2010

Quero Benone Leão Deputado Estadual, diz Jarbas Vasconcelos

Oposição terá Raul Jungmann para disputar o Senado

O nome está escolhido. Vai ser do deputado federal Raul Jungmann (PPS) a segunda vaga para o Senado na chapa majoritária oposicionista. Para a definição tornar-se oficial, falta apenas o senador e pré-candidato ao Governo do Estado, Jarbas Vasconcelos (PMDB), fazer o anúncio, previsto para amanhã, durante a convenção conjunta dos partidos aliancistas (PMDB/ PPS/DEM/PSDB/PMN) no Clube Atlético de Amadores. No bastidor, a busca por um integrante para compor com o senador Marco Maciel (DEM) - pré-candidato à reeleição - na corrida pelo Senado é dada por encerrada. E, enfatizam aliados, “do jeito que Jarbas queria”.

PARAÍBA

Os “Cunha Lima” liderados por Ronaldo são a oligarquia mais longeva da Paraíba. A família indicou Cássio (PSDB) como candidato a senador na chapa do ex-prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), e o deputado federal Ivan para vice-governador. Fogo Cruzado

PT do B desiste de candidatura própria e formaliza apoio a Serra

Da Folha.com

O PT do B desistiu neste domingo de ter candidato próprio na disputa presidencial e irá apoiar o tucano José Serra. O partido tinha com pré-candidato o engenheiro Mário de Oliveira. "O PT do B apoiará outro candidato, lamento muito", escreveu no seu Twitter.

Na pesquisa CNI/Ibope divulgada semana passada, ele tinha 0,1% das intenções de votos. Com a saída de Oliveira, a eleição presidencial terá 12 candidatos --maior número desde a eleição de 1989. Além de Serra, Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PV), também são candidatos Plínio de Arruda Sampaio (PSOL), Rui Costa Pimenta (PCO), Zé Maria (PSTU), Levy Fidelix (PRTB), José Maria Eymael (PSDC), Oscar Silva (PHS), Ciro Moura (PTC), Américo de Souza (PSL) e Ivan Pinheiro (PCB).

Quero Benone Leão Deputado Estadual, diz Vereadora Aline Mariano

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Os atuais prefeitos e ex-prefeitos do pajeú com ‘ficha suja’ no TCU

ADELMO ALVES DE MOURA

Deliberação: Acórdão 1590/2003-2ª CÂMARA registrado na Ata 34/2003, em sessão de 11/09/2003
PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPETIM/PE

ANTÔNIO DE SIQUEIRA E SILVA
Deliberação: Acórdão 1303/2003-2ª CÂMARA registrado na Ata 29/2003, em sessão de 07/08/2003
PREFEITURA MUNICIPAL DE INGAZEIRA/PE

ANTÔNIO RODRIGUES SOBRINHO
Deliberação: Acórdão 1844/2004-2ª CÂMARA registrado na Ata 36/2004, em sessão de 23/09/2004
Prefeitura Municípal de Carnaíba/PE.

ARNALDO PEDRO DA SILVA
Deliberação: Acórdão 5472/2008-2ª CÂMARA registrado na Ata 043/2008, em sessão de 25/11/2008
Município de Flores/PE (beneficiário); Fundação Nacional de Saúde ¿ Funasa (transferidor).

CILENE BARBOSA DE QUEIROZ
Deliberação: Acórdão 2292/2007-2ª CÂMARA registrado na Ata 30/2007, em sessão de 28/08/2007
MUNICÍPIO DE FLORES/PE(BENEFICIÁRIO);FUNDO NACIONAL DE SAÚDE(TRANSFERIDOR)

ENILDA MARIA DA SILVA SANTOS
Deliberação: Acórdão 2004/2007-PLENÁRIO registrado na Ata 40/2007, em sessão de 26/09/2007
Município de Santa Cruz da Baixa Verde/PE(beneficiário); Ministério da Integração Nacional
(transferidor)

GILMAR DE QUEIROZ
Deliberação: Acórdão 1033/2004-2ª CÂMARA registrado na Ata 22/2004, em sessão de 17/06/2004
Prefeitura Municipal de Flores/PE

Deliberação: Acórdão 1299/2008-2ª CÂMARA registrado na Ata 16/2008, em sessão de 20/05/2008
Município de Flores/PE (beneficiário); FNS (transferidor)

Deliberação: Acórdão 2292/2007-2ª CÂMARA registrado na Ata 30/2007, em sessão de 28/08/2007
MUNICÍPIO DE FLORES/PE(BENEFICIÁRIO);FUNDO NACIONAL DE SAÚDE(TRANSFERIDOR)

Deliberação: Acórdão 3517/2006-2ª CÂMARA registrado na Ata 45/2006, em sessão de 05/12/2006
Município das Flores/PE (Beneficiário); FNDE (Transferidor)

Deliberação: Acórdão 627/2006-2ª CÂMARA registrado na Ata 08/2006, em sessão de 21/03/2006
MUNICÍPIO DE FLORES/PE(BENEFICIÁRIO);
FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃOFNDE (TRANSFERIDOR)

Deliberação: Acórdão 628/2006-2ª CÂMARA registrado na Ata 08/2006, em sessão de 21/03/2006
Prefeitura Municipal de Flores/PE(beneficiário); Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação
(FNDE) (transferidor)

ISAÍAS SERAFIM DE LIMA
Deliberação: Acórdão 2591/2003-1ª CÂMARA registrado na Ata 39/2003, em sessão de 28/10/2003
PREFEITURA MUNICIPAL DE SOLIDÃO – PE

JOSÉ BEZERRA DOS SANTOS
Deliberação: Acórdão 2004/2007-PLENÁRIO registrado na Ata 40/2007, em sessão de 26/09/2007
Município de Santa Cruz da Baixa Verde/PE(beneficiário); Ministério da Integração Nacional
(transferidor)

MARIA DAS GRAÇAS SOARES
Deliberação: Acórdão 2004/2007-PLENÁRIO registrado na Ata 40/2007, em sessão de 26/09/2007
Município de Santa Cruz da Baixa Verde/PE(beneficiário); Ministério da Integração Nacional
(transferidor)

SÍLVIO ROMERO BEZERRA LIMA
Deliberação: Acórdão 2004/2007-PLENÁRIO registrado na Ata 40/2007, em sessão de 26/09/2007
Município de Santa Cruz da Baixa Verde/PE(beneficiário); Ministério da Integração Nacional
(transferidor)

Impasse sobre vice de Serra pode comprometer vitória do PSDB

O presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), admitiu nesta segunda-feira, em entrevista à rádio CBN, que a vitória do partido nas eleições presidenciais deste ano pode ter sido comprometida com a negativa do aliado DEM em apoiar o nome do senador Álvaro Dias (PSDB-PR) para a vice-presidência na chapa encabeçada por José Serra. Para Guerra, a principal questão é a falta de unidade.

"Temo que tenhamos neste episódio atuado para comprometer a nossa vitória. Não é a questão de um partido ter o apoio do outro. Já votamos com os democratas, e os democratas votam conosco há muitos anos. O problema é ter unidade, tranquilidade, e uma solução construtiva da luta que enfrentaremos", apontou Guerra.

No último domingo, o presidente do DEM, Rodrigo Maia, defendeu o rompimento da aliança caso a legenda não possa indicar o vice. Nesta segunda-feira, Maia deve se reunir em São Paulo com Serra para dar um ultimato: ou o PSDB desiste da chapa puro-sangue ou haverá o risco de o DEM ficar fora da coligação.

Guerra ressaltou ainda que o impasse pode afetar as alianças estaduais:

"Os encaminhamentos estaduais seguem seus cursos, mas ninguém pode pensar que não havendo entendimento geral vá se ter entendimento local com a facilidade que se tinha antes".

Do Correiobraziliense.com.br

Jarbas costuma crescer na adversidade, diz Revista IstoÉ

“Com pouco dinheiro para investir na campanha ao Governo de Pernambuco, o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) prometeu partir para o corpo a corpo. “Vou gastar muita sola de sapato”, disse a amigos. Segundo aliados, a exemplo do que ocorreu em 78 e 85, Jarbas costuma crescer na adversidade”.

Quero Benone Leão Deputado Estadual, diz Mendonça Filho presidente do Democratas

Raul Jungman é o segundo senador das oposições

O deputado Raul Jungman almoçou, ontem, com o presidente do PSDB, Sérgio Guerra, e aceitou disputar a segunda vaga de senador na chapa de Jarbas, com quem deve ter, hoje, uma conversa conclusiva. Após o encontro com o pós-comunista, Guerra ligou para o pré-candidato das oposições a governador e confirmou a disposição do PPS de integrar a chapa com Jungmann. Folha Política

Jarbas acusa Palácio de trocar obras por apoio

JAIRO LIMA



PRÉ-CANDIDATO ainda não definiu quem disputará a segunda vaga ao Senado
O senador e pré-candidato ao Governo do Estado, Jarbas Vasconcelos (PMDB), em maratona realizada no Sertão do Araripe, no último sábado, acusou o governador Eduardo Campos (PSB) de inaugurar obras em troca de votos. E mais, a moeda de troca, segundo o peemedebista, ainda serviria para reforçar a prática de cooptação de prefeitos interioranos por parte do socialista, que, nesse caso, utilizaria a máquina pública para obter benefícios eleitorais. “Eu nunca fiz isso. Essa prática é um retrocesso político para o Estado. Essa prática é adotada atualmente em Pernambuco”, disse Jarbas Vasconcelos.

Voltando sua atenção para o projeto do Canal do Sertão, que ampliaria a área irrigada e abastecida d’água no Semiárido pernambucano, o peemedebista prosseguiu com os ataques ao Palácio do Campo das Princesas. Para Jarbas, tanto o Governo Federal quanto o Governo Estadual desprezaram a obra, batizada por Jarbas de “canal da fartura”. “O atual Governo é virtual e de propaganda”, afirmou

MARCO DE PERNAMBUCO EM BREJINHO


HABITAÇÃO

  • Construção de 50 unidades habitacionais.

ENERGIA

  • Construção de rede de distribuição, o que viabilizou a eletrificação de 50 propriedades rurais, e ainda criou parte da infra-estrutura para o aumento de propriedades rurais eletrificadas.

ABASTECIMENTO D’ÁGUA, BARRAGENS E PERENIZAÇÃO DE RIOS

  • Inauguração da barragem Serrinha.
  • Construção do sistema de abastecimento d’água da cidade.
  • Perfuração de 10 poços

EDUCAÇÃO

  • Construção de 3 escolas na zona rural.

SAÚDE

  • Realização de campanha de vacinação contra paralisia infantil (poliomielite), pela primeira vez em Pernambuco, em 1980, beneficiando todas as crianças do município. A campanha foi repetida nos anos seguintes.

FAZENDA/ SISTEMA FINANCEIRO

  • Inauguração da agência do Bandepe.

INDUSTRIA, COMÉRCIO E MINAS

  • Identificação e caracterização de interessantes jazimentos de ouro em Brejinho e São José do Egito.

COMUNICAÇÕES

  • Imagem de TV a partir da Copa do Mundo de 82.
  • Ativação de Posto de Serviço Telefônico interurbano.

Queremos Benone Leão Deputado Estadual, diz Miriam Lacerda e Tony Gel

Dois governos, o mesmo drama


Ano 2000. Entre os dias 31 de julho e 1º de agosto, 199 milímetros de chuva atingiram o Estado. O saldo foi aterrorizante: 22 mortos, 100 feridos e 17.500 pessoas desabrigadas, sendo 16 mil moradores da Zona da Mata Sul, onde nove municípios estavam sob estado de calamidade pública. 2010. Dez anos depois do que até então havia sido considerada a maior cheia dos últimos 40 anos, a mesma região de Pernambuco sofre com os estragos causados pelas precipitações. Sessenta e sete municípios foram antigidos pelas chuvas, nove deles estão em calamidade, o saldo chega a 18 mortos, os desabrigados ultrapassam a casa dos 26.500 e os desalojados somam 55.643. Desde 1975, as cidades da Mata Sul sofrem com as chuvas que são agravadas pelas cheias dos rios que circundam e cortam os municípios. A leitura é uma só: as cidades atravessam governos sem que nenhuma medida preventida consiga reduzir significativamente os danos à população.

Em 2000, governo criou bolsa

José Arlindo Soares lembra-se bem da cheia de 2000. Atuava na linha de frente da comissão especial para tratar de resolver os estragos causados. Conta que a primeira providência tomada pelo governador Jarbas Vasconcelos (PMDB) foi a concessão de um auxílio para os atingidos. Foi criada uma bolsa paga durante os 4 meses que suscederam as cheias. O esquema funcionava como um cadastro único feito pelo governo e verificado pela Coordenadoria de defesa de Pernambuco (Codecipe). “Depois de passados os momentos mais sofridos, conseguimos colocar em campo um cadastramento que deu origem à lista dos beneficiados. A tentativa era que os comerciantes pudessem começar a se reerguer e mesmo as pessoas pudessem voltar a consumir”, relembra.

Já no tocante à recuperação física das cidades, o ex-secretário explicou que houve uma revitalização urbanística. Segundo ele, promovida em Palmares, Belém de Maria e Barreiros de forma a tentar minimizar o impacto de calamidades semelhantes. Também foram construídas duas pontes - uma delas destruída agora em Palmares, que o governo começa a refazer, e a outra em Catende. O Cais de Belém de Maria, também foi integrante do pacote de reconstrução.

Agora totalmente alagado e semi destruído, o Hospital de Palmares, foi recuperado depois da enchente de 2000. “Tivemos a preocupação de reconstruir o hospital numa área em que as chuvas não pudessem causar os mesmos estragos”. Frequentemente protagonista de cheias que arrastam casas, o Rio Una precisou ser isolado. “Fizemos o recolocamento de uma vila inteira das margens do Rio Una. Levamos os moradores para o centro, onde entregamos 800 casas, todas também um pouco levantadas. Ao todo na Mata Sul foram entregues 4 mil casas mais distantes das áreas atingidas”.

Idealizador do programa Governo nos Municípios, José Arlindo conta que antes do fim da segunda gestão Jarbas, iniciou-se um debate na tentativa de retirar fazer mais remoções. “As medidas preventivas foram apontadas por um estudo da Universidade Federal de Pernambuco”, explica ele que está montando o programa de governo do senador. FP,28/06/10

domingo, 27 de junho de 2010

Jarbas volta do Sertão estimulado com acolhida da população

O senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) desembarcou no Recife na madrugada deste domingo se dizendo empolgado com a receptividade à sua candidatura no Sertão do Araripe, onde visitou os municípios de Ouricuri, Trindade e Araripina. A “maratona” começou às 7h da manhã e só se encerrou às 3h da manhã de hoje (27.06).

A “maratona” do pré-candidato do PMDB ao Governo de Pernambuco começou às 10h, com a chegada a Ouricuri. Ali, em entrevista à Rádio Voluntários da Pátria o senador do PMDB lembrou o esforço que o seu Governo fez para levar água do Rio São Francisco ao Sertão do Araripe, por meio da Adutora do Oeste. Jarbas Vasconcelos criticou o Governo Federal e o Governo do Estado por não encamparem o projeto do Canal do Sertão, que ampliaria a área irrigada e abastecida d’água no Semiárido pernambuco. Ele voltou a afirmar que o atual Governo é “virtual” e de propaganda.

TRINDADE – O segundo município visitado pela comitiva da oposição foi Trindade, onde Jarbas, Maciel e Miriam participaram de uma reunião que Emanuel Bringel organizou com lideranças políticas e empresariais do polo gesseiro do Araripe. Jarbas prometeu resolver aquele que é hoje o maior problema do setor gesseiro: a definição da matriz energética, que combustível as indústrias utilizarão para beneficiar a gipsita.

OURICURI – Às 16h, Jarbas e comitiva chegaram a Ouricuri, onde concederam entrevista à Rádio Grande Serra. O senador criticou a prática adotada pelo atual governador de Pernambuco de cooptar prefeitos da oposição em troca de obras. “Eu nunca fiz isso.” Para Jarbas, essa prática é um retrocesso político para o Estado.

No “Rancho 45”, do deputado Emanuel Bringel, Jarbas se encontrou com o senador Sérgio Guerra e com o deputado federal Raul Jungmann.Em discurso no local, o senador Sérgio Guerra lembrou que Jarbas e Maciel são “duas legendas da política brasileira”. E foi além: “Ninguém em Pernambuco se compara com os dois”. Para Guerra, a eleição de Jarbas ao Governo do Estado dará uma nova perspectiva a Pernambuco, da mesma forma que ocorreu em 1999, quando ele assumiu o Palácio das Princesas pela primeira vez. “Temos que pensar Pernambuco outra vez”, concluiu. Por Magno Martins

Quero Benone Leão Deputado Estadual, diz Senador Marco Maciel

PB: liminar segura prefeito cassado no cargo

O prefeito de Campina Grande (PB), Veneziano Vital, não quis dançar quadrilha este ano. Ele se segura numa liminar para continuar no cargo até que o Tribunal Regional Eleitoral paraibano confirme a cassação de seu mandato, já decidida em primeira instância desde abril. Se o TRE confirmar a cassação, ele cai na malha da nova Lei da Ficha Limpa, dança do cargo imediatamente e ficará inelegível por oito anos. CH,27/06/10

Benone Leão visitou o Alto do Moura em Caruaru










Sérgio Guerra aparece em Araripina

Para surpresa geral, o senador Sérgio Guerra (PSDB) apareceu em Araripina, no início da noite de sábado, acompanhado de Raul Jungmann (PPS) e Raul Henry (PMDB), para acompanhar o final da programação do candidato oposicionista a governador de Pernambuco, Jarbas Vasconcelos (PMDB) no Sertão do Araripe.

A chegada do tucano gerou mil e uma especulações. Primeiro, porque durante toda a semana que passou o que se ouvia entre o oposicionistas é que as relações entre Sérgio Guerra e Jarbas Vasconcelos estavam estremecidas, desde que o senador desistiu de disputar a reeleição e não indicou outro nome do PSDB para ser o segundo candidato na chapa.

Depois, como ele chegou acompanhado de Jungmann e Henry, teve gente interpretando que Sérgio Guerra viajou até Araripina apenas para acertar os últimos detalhes sobre o segundo candidato a senador que pode ser um dos dois deputados federais.

Acompanhado da candidada a vice Miriam Lacerda (DEM), Jarbas Vasconcelos visitou Ouricuri, Trindade e Araripina. Todos retornaram ao Recife na madrugada deste domingo. Por Divane Carvalho

PV homologa Sérgio Xavier

Os verdes se reúnem neste domingo para a convenção do PV que acontecerá no Centro de Convenções, em Olinda, a partir das 9h30. Na ocasião, o jornalista Sérgio Xavier terá seu nome homologado pelo partido para disputar o governo do estado. Quase 25 anos após sua fundação, a legenda, que tem a senadora Marina Silva (PV) como candidata a presidente da República, terá pela primeira vez em Pernambuco chapa completa com candidatos a presidente, governador, senadores, deputados federais e estaduais. Nessa eleição, o PV lançará candidatos em todas as regiões do estado.

A médica René Patriota e o professor da Universidade Federal de Pernambuco, o economista, Jacques Ribeboim, estão cotados disputar o Senado ao lado de Sérgio Xavier, que enfrentará a reeleição do governador Eduardo Campos (PV) e o ex-governador Jarbas Vasconcelos (PMDB). Já a professora universitária e ex-delegada de defesa do consumidor, Nely Queiroz, deve ser a candidata a vice-governadora. Para a eleição de 2010 o partido está apostando nas candidaturas do ex-deputados Roberto Leandro e Harlan Gadelha, o vereador Daniel Coelho e outros 30 vereadores. Também estão na bolsa de aposta do PV os advogados André Lucena e Cristiano Carrilho, o pastor Cilas Menezes e o deputado estadual Lucrécio Gomes, entre outros.

sábado, 26 de junho de 2010

DEMOCRATAS oficializa candidatura de Rosalba ao governo e Agripino senador

A confirmação da candidatura de Rosalba Ciarlini ao governo do Estado lotou o Palácio dos Esportes “Djalma Maranhão”, neste sábado (26), durante a Convenção do Democratas (DEM). A convenção foi considerada a maior que o Rio Grande do Norte já viu com a presença de cerca de dez mil pessoas, que também apoiaram a decisão dos 200 convencionais que oficializaram as candidaturas à reeleição do senador José Agripino e dos deputados federais Betinho Rosado e Felipe Maia. Caravanas de Natal de todo estado formadas por militantes, lideranças, políticos e simpatizantes dos seis partidos coligados compareceram ao Palácio dos Esportes.

As candidaturas também foram homologadas hoje pelos partidos que formam a coligação “A Força da União”, junto com o DEM, que são – PSDB, PMN, PSC, PSL, PRP. O PMN homologou o nome de Robinson Faria como vice de Rosalba. Nas eleições proporcionais oito candidaturas disputaram vagas no legislativo estadual e federal, três delas concorrendo à reeleição: os deputados Leonardo Nogueira, Getúlio Rego e José Adécio. Os outros candidatos a Assembléia Legislativa são: Ney Lopes Júnior, Dagô, Chico da Prefeitura, Clécio Freire e Gilberto Rocha.

Deputado Rodrigo Maia

"O DEM não apoia, mas vocês têm o direito de ir sozinhos para a eleição.”


Deputado Rodrigo Maia (RJ), presidente dos Democratas,
aos tucanos, depois da divulgação da chapa puro sangue do PSDB para a Presidência da República

PSDB indica Álvaro Dias para vice

BRASÍLIA (AE) - O PSDB escolheu o senador tucano Álvaro Dias (PR) para vice na chapa do presidenciável José Serra, ainda sob impacto do resultado da pesquisa CNI/Ibope que mostrou a candidatura do partido em queda. Dirigentes do partido consideram a indicação “irreversível”, apesar de o principal aliado, o DEM, recusar a chapa puro-sangue e insistir em ocupar o posto.

DEMOCRATAS reage e ameaça rachar aliança nacional

BRASÍLIA (Folhapress) - Maior partido da aliança em torno de José Serra, o DEM se rebelou ontem e vetou o tucano Álvaro Dias para a vaga de vice. Democratas já falavam em propor na convenção nacional, quarta-feira, o rompimento da aliança, se o nome for confirmado. “Entendemos que se não for o Aécio (Neves), o vice é nosso”, afirmou o presidente do DEM, Rodrigo Maia (RJ). “Sou 100% a favor de o Democratas não fazer uma aliança nacional com o PSDB”, disse o deputado Ronaldo Caiado (GO). No Twitter, Caiado disse que os tucanos tentaram esconder a decisão sobre Dias.
Segundo relato de Caiado, Maia telefonou para o presidente nacional do PSDB, Sérgio Guerra, para confirmar a escolha. Em resposta, Guerra teria dito que nada fora decidido. “Eles não tiveram coragem de nos informar a decisão”, protestou. Sob pressão, Guerra afirmou, em nota, que o nome de Dias ainda depende de aprovação dos aliados.

sexta-feira, 25 de junho de 2010

DEMOCRATAS veta chapa “puro-sangue”

BRASÍLIA (Folhapress) - Com a proximidade do prazo final para a escolha do candidato a vice na chapa do tucano José Serra, aumenta a pressão do DEM para que o nome saia da legenda. O presidente nacional do partido, Rodrigo Maia, tem afirmado em reuniões reservadas com o comando da campanha que não irá aceitar a chapa pura, condição que era considerada apenas se o vice fosse o ex-governador de Minas Gerais Aécio Neves.

Silvio Costa responderá ação de Raul Jungmann

O deputado federal Silvio Costa (PTB) vai responder ação penal que deverá ser julgada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Isso porque o STF acatou, ontem, queixa-crime protocolada contra ele pelo também deputado federal Raul Jungmann (PPS). O pós-comunista reclama, na ação, ter sido vítima de crime de injúria, ofensa à honra e à dignidade durante debate em uma rádio, transmitido no último dia 24 de abril. Durante a gravação, o petebista teria tachado Jungmann de “corrupto”. O assunto da discussão era o uso irregular de verba idenizatória na compra de passagens aéreas na Câmara dos Deputados. Agora, Silvio Costa responderá à ação penal.
Relator do processo, o ministro Marco Aurélio Mello votou a favor do recebimento da queixa. Em sua visão, vários parlamentares se beneficiaram das passagens e não seria justo apenas o pós-comunista ser tachado pejorativamente. A maioria dos ministros seguiu o mesmo caminho, julgando o fato como ofensa gratuita, uma vez que o debate não versava diretamente sobre a suspeita de Jungmann ter comprado passagens para a filha.

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Traidores: Ciro Celho e Sebastião Rufino

Os deputados Ciro Coelho e Sebastião Rufino, que pularam do DEM para o PSB, voltaram a perder o sono. É que foi protocolado, ontem, recurso ordinário ao TSE contra a absolvição deles por infidelidade partidária no TRE.

Ele nunca sabe de nada!

Na tentativa de preservar Lula, o deputado Maurício Rands (PT) disse, ontem, que o ex-ministro da Integração, Geddel Vieira, desviou 40% das verbas de calamidade para obras na Bahia sem autorização do presidente. Quis dizer, na verdade, que Lula não sabia. E Lula sabe de alguma coisa que ocorre ao redor do seu governo? Folha Política

Deputados rechaçam lista de inelegíveis do TCU

JAIRO LIMA
A lista divulgada anteontem pelo Tribunal de Contas da União (TCU) com nomes de 4.922 gestores públicos contém quatro deputados estaduais pernambucanos que disputarão a reeleição: Jacilda Urquisa (PMDB), Nelson Pereira (PCdoB), Esmeraldo Santos (PR) e Claudiano Martins (PSDB). Todos eles listados por antigas administrações como prefeitos em seus respectivos municípios. A lista repassada ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE) teria efeito para torná-los inelegíveis, segundo a Lei 135/2010, mais conhecida por Lei da Ficha Limpa. As acusações que pesam contra eles indicam que suas contas foram rejeitadas por mau uso do dinheiro da União em convênios de estados e municípios com entidades federais. Porém, os parlamentares se defendem, argumentando que não são acusados de improbridade administrativa, nem teriam sequer seus processos julgados pela Justiça.

Para Jacilda Urquisa, ex-prefeita de Olinda, não haverá maiores complicações para sua candidatura à reeleição. A peemedebista esclarece seu caso, relembrando sua época de chefe do Executivo olindense (1997 a 2000), quando, segundo ela, intervenções políticas não permitiram a execução de uso de verba proveniente de convênio direcionada a uma obra na Ilha do Maruim. “Então, utilizei o dinheiro para pagamento da folha dos servidores. Desta forma, pesou acusação de mudança de destinação de recursos. Não existe nada transitado e julgado, já houve contestação de nossa parte”, disse Jacilda, que vai usar do mesmo expediente judicial usado nas eleições passadas, quando disputou o cargo de prefeita de Olinda, em 2008, e de deputada, em 2006.

Já o deputado Nelson Pereira, ex-prefeito de Mirandiba (1993-1996), garantiu que também não se enquadra na acusação de improbridade administrativa. Segundo o próprio, a acusação do TCU diz respeito ao atraso na apresentação de extratos bancários, já entregues, oriundos de convênio feitos através da Fundação Nacional de Saúde (Funasa). “É apenas um procedimento administrativo. Achei estranha essa lista do TCU. Não nos enquadramos no que fere à Lei do Ficha Limpa. O ex-prefeito de São Paulo, Paulo Maluf, como sabemos de seu histórico, não consta nessa lista, por exemplo”, afirmou Pereira. Esmeraldo Santos e Claudiano Martins não foram encontrados pela reportagem. Esmeraldo responde a ação pelo tempo que foi prefeito de São Caetano, enquanto Martins administrou Itaíba.

Jarbas ironiza dilema de Eduardo

CARUARU - Ao reconhecer que, a uma semana da convenção oposicionista, o “ideal” era já ter fechado sua chapa, o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) aproveitou para ironizar o governador Eduardo Campos (PSB), cujo “time” eleitoral também não foi definido. “Era ideal que tivesse a chapa (da oposição) completa. O governador, que diz que tem uma força enorme, ainda está com problema de vice; se tira ou não tira o atual vice-governador. Imagina... Ele com tanta força e eu com uma força reduzida, na adversidade. Ele com todas as facilidades está com problema de vice. Então, é natural que eu esteja com dificuldade de arranjar um senador competitivo”, afirmou o peemedebista. Jarbas, que esteve, ontem, neste município para comemorar o São João no camarote de sua vice, a deputada estadual Miriam Lacerda (DEM).

quarta-feira, 23 de junho de 2010

MARCO DE PERNAMBUCO EM SANTA TEREZINHA


ABASTECIMENTO D’ÁGUA, BARRAGENS E PERENIZAÇÃO DE RIOS

  • Construção do sistema de abastecimento d’água da cidade (sistema Santa Teresinha).
  • Perfuração de 3 poços.

EDUCAÇÃO

  • Construção de 4 escolas na zona rural.
  • Elevação da Escola Santa Teresinha à categoria de 1º grau (cria classes da 5ª a 8ª série).

SAÚDE

  • Realização de campanha de vacinação contra paralisia infantil (poliomielite), pela primeira vez em Pernambuco, em 1980, beneficiando todas as crianças do município. A campanha foi repetida nos anos seguintes.
  • Inauguração de Unidade Mista de Saúde.

FAZENDA/ SISTEMA FINANCEIRO

  • Inauguração de agência do Bandepe.

COMUNICAÇÕES

  • Ativação de Posto de Serviço Telefônico interurbano.
  • Imagem de TV a partir da Copa do Mundo de 82.

terça-feira, 22 de junho de 2010

Eu sou uma otimista: faltam apenas 192 dias para nos livrarmos disso.

Ao celebrar, na festa junina que fez no sábado, em Brasília, os 36 anos de união com Marisa, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva contou o "segredo" da união duradoura: "Eu sigo a receita do [José Gomes] Temporão", informa a coluna de Mônica Bergamo

O ministro da Saúde recomenda que as pessoas façam sexo "cinco vezes por semana" para combater a hipertensão.

Segundo a coluna, há dois anos, quando celebrou 34 anos de casamento, Lula disse que Marisa era feliz, pois tinha se casado com "o garanhão de Garanhuns", cidade em que nasceu. ( Monica Bergamo- Folha de São Paulo)
--------------------------
Falta pouco, gente...menos que ontem. Tenhamos fé.

Demagogia pura!

Aqui pra nós, que diabo Dilma Rousseff vai fazer em Palmares, nesta terça-feira, antes de dançar forró em Caruaru?

Pois ela vai. Acompanhada do pré-candidato ao Senado pelo PT, Humberto Costa, dizem que a presidenciável petista quer ver de perto os estragos feitos pelas últimas chuvas e se solidarizar com o povo pernambucano.

Aqui pra nós, é muita demagogia! E o pior, a visita relâmpago está toda orquestrada: ela chega às 9h na cidade, visita o prefeito Beto da Usina (que é do PDT, partido da base aliada do governo Lula), depois faz um sobrevôo pelo município e ponto final.

É ou não é uma programação fantástica para ajudar os flagelados de Palmares?

E o que acontece em seguida? Às 10h30, ela se desloca para Caruaru, onde dá uma entrevista a uma emissora de TV, segue para almoço com lideranças, como os prefeitos de Caruaru, José Queiroz (PDT) e do Recife, João da Costa (PT), que acompanha a comitiva e à tarde faz passeio turístico no Alto do Moura, um dos pólos de animação do São João.

Difícil dizer quem é mais demagogo nesta história, se Dilma, Humberto ou o "gênio" que inventou esta programação.

Serra engrossa o discurso contra Lula

SÃO PAULO (AE) - O candidato do PSDB à Presidência, José Serra, acusou ontem o presidente Luiz Inácio Lula da Silva de usar a máquina pública em benefício da candidata do PT, Dilma Rousseff. Para o tucano, o lançamento por parte do Governo Federal de um programa de combate ao crack, no mês passado, teve vistas às eleições. Serra disse que, após sete anos e meio de governo, os petistas souberam por pesquisas de opinião da preocupação do eleitor com o crack e lançaram o programa. “É uma tabelinha quase perfeita de uso da máquina. A candidata fala e o governo lança o plano”, afirmou o candidato, em sabatina promovida pelo jornal “Folha de S. Paulo” e pelo portal UOL, na capital paulista.
O tucano acusou os adversários de usarem de “terrorismo” para tentar minar sua campanha e sua imagem, principalmente em debates regionais e por meio da internet. Citou um texto divulgado em blogs por uma pessoa ligada a Lula e Dilma afirmando que ele acabaria com o ProUni caso eleito. “Eu nunca disse isso. Tem tanta coisa maluca espalhada. Esse é o método terrorista. Não violento, mas terrorista.”

Presidente diz que nunca houve provas

BRASÍLIA (Folhapress) - Cinco anos após o maior escândalo de seu governo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva se disse inconformado com o fato de o processo do mensalão do PT ainda estar em curso na Justiça. Segundo ele, o caso é baseado em acusação de um “deputado cassado”, Roberto Jefferson (PTB), que “não apresentou provas” das denúncias que fez. A declaração foi feita ontem em entrevista à TV Senado que deve ir ao ar na sexta-feira, às 21h30, no programa Cidadania”.
Lula não citou Jefferson nominalmente e, ao ser questionado sobre a lição que tirou do episódio, defendeu que os responsáveis pelo esquema de compra de votos de congressistas “paguem o que tiverem de pagar”. O processo do mensalão está no Supremo Tribunal Federal (STF) e tem 39 réus, entre eles o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu. A corte rejeitou pedido para tornar Lula réu no caso.

Tragédia vira mote de críticas à PCR

GILBERTO PRAZERES e BEATRIZ GÁLVEZ

PRISCILA Krause condenou o “discurso demagógico”
As oito mortes ocasionadas somente no Recife, decorrentes do deslizamento de barreiras em diversos pontos do município devido às últimas chuvas, acabou ganhando contornos políticos ontem. Em entrevista à Rádio Folha FM 96,7 , o deputado estadual Pedro Eurico (PSDB) questionou a eficiência das ações empreendidas pela Prefeitura para evitar as tragédias. “A PCR dizia que estava cuidando das encostas de barreiras, das pessoas... E, na hora de acontecer o que aconteceu, morreram oito pessoas. Ontem (anteontem), dia de jogo do Brasil, eu estava de manhã no Córrego do Sargento, no Alto José Bonifácio (Casa Amarela), Zona Norte. Sabe quantas pessoas da Prefeitura tinham ido lá até então? Ninguém!”, bateu o tucano.

Na Câmara do Recife, a líder da oposição Priscila Krause (DEM) também fez suas críticas às ações da PCR para o enfrentamento aos efeitos do período de chuvas na cidade. Apesar de imprimir inicialmente um discurso mais conciliador, no qual pediu para que oposicionistas e governistas se unissem para ajudar a população atingida, ela não deixou de questionar a Prefeitura. “Em abril, o prefeito João da Costa (PT) disse que o Recife estava pronto para enfrentar o inverno, que milhões foram empregados para a desobstrução de canais... Não se pode ter um discurso demagógico”, criticou.