Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

PF faz buscas em endereços de pessoas ligadas a Renan, Sarney, Jucá e Garibaldi

Imagem
A Polícia Federal saiu às ruas na manhã desta sexta-feira (28) para cumprir mandados da Operação Satélites, relacionada à Lava Jato. O principal alvo é o advogado Bruno Mendes, ligado ao senador Renan Calheiros (PMDB-AL). Os agentes fizeram busca e apreensão no escritório de Mendes. Também foram feitas buscas na casa de uma ex-assessora do senador Romero Jucá (PMDB-RR), na residência de um assessor do ex-presidente e ex-senador José Sarney, também do PMDB, e em um endereço de uma pessoa ligada ao senador Garibaldi Alves (PMDB-RN). Outro alvo da operação é o ex-presidente da petroquímica Triunfo Caio Gorentzvaig. A petroquímica é investigada na Operação Lava Jato devido a um contrato que beneficiou a empreiteira Odebrecht durante o governo Luiz Inácio Lula da Silva. A etapa da operação deflagrada nesta sexta-feira apura irregularidades praticadas na estatal Transpetro e investiga contratos da Petrobras com as empresas NM Engenharia e NM Serviços, e tem como base depoimentos em acordos de d…

Vaza suposto novo uniforme do Sport; clube ainda não confirma

Imagem
Com referência ao título Brasileiro de 87, que completa 30 anos, este ano, é lembrada no estilo da camisa e na inscrição "O Brasil é teu", na parte de trás da golaNesta quinta-feira, vazou o que deve ser o novo uniforme número um do Sport para a temporada 2017. Algumas imagens da camisa, listrada em vermelho e preto, com detalhes dourados no ombro, surgiram na internet. A reportagem apurou que, de fato, esta é a nova camisa do Leão - embora o clube não confirme oficialmente. A camisa tem referências ao título brasileiro de 1987, maior feito da história do clube. Como homenagem aos 30 anos da conquista, o uniforme lembra o que o Sport usou na época. E ainda traz a inscrição "o Brasil é teu", na parte de trás da gola, usado em uma manchete de um jornal local após o campeonato. A gola em V, como o Sport usava em 1987, é outro ponto que aproxima os dois uniformes, bem como a distribuição das faixas horizontais na camisa. O lançamento oficial deve acontecer no dia 13 de …

PF faz buscas em escritório de advogado ligado a Renan

Imagem
Do G1 A Polícia Federal saiu às ruas na manhã desta sexta-feira (28) para cumprir mandados da Operação Satélites, relacionada à Lava Jato. O principal alvo é o advogado Bruno Mendes, ligado ao senador Renan Calheiros (PMDB-AL). Os agentes fizeram busca e apreensão no escritório de Mendes. Ao todo, a operação tem 10 mandados, todos de busca e apreensão. A fase desta sexta foi autorizada pelo ministro Édson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), dentro de um dos 13 inquéritos abertos para investigar Renan Calheiros. Os pedidos para a operação foram enviados ao STF pela Procuradoria-Geral da República (PGR). De acordo com a PGR, esta fase apura irregularidades praticadas na Transpetro. Os crimes envolvidos, de acordo com a procuradoria, são: lavagem de dinheiro, corrupção, organização criminosa, crimes contra a administração pública, entre outros. O G1 buscou contato, mas ainda não havia conseguido falar com a assessoria de Renan Calheiros até a última atualizaçã…

Temer troca sete vice-líderes do governo na Câmara

Imagem
Do UOL
O presidente Michel Temer (PMDB) encaminhou à Câmara o nome de 15 deputados para exercer a função de vice-líderes do governo na Casa. Na nova lista, Temer trocou sete deputados e manteve oito na função. As indicações constam em mensagem publicada no Diário Oficial da União (DOU) de hoje. Os deputados que já atuavam como vice-líderes do governo e vão permanecer na tarefa são: Alceu Moreira (PMDB-RS);
Arthur Oliveira Maia (PPS-BA);
Carlos Henrique Gaguim (PTN-TO);
Darcísio Perondi (PMDB-RS);
Delegado Francischini (SD-PR);
Julio Lopes (PP-RJ);
Marcelo Aro (PHS-MG);
Rocha (PSDB-AC). Já os novatos são: Beto Mansur (PRB-SP);
Domingos Neto (PSD-CE);
Elmar Nascimento (DEM-BA):
Hugo Legal (PSB-RJ);
José Rocha (PR-BA):
Pedro Fernandes (PTB-MA);
Rocha Loures (PMDB-PR). Os novos vice-líderes substituíram os deputados Marcos Montes (PSD-MG), Marcelo Squassoni (PRB-SP), Luiz Carlos Busato (PTB-RS), Tereza Cristina (PSBMS), Capitão Augusto (PR-SP), Jorge Tadeu Mudalen (DEM-SP) e Carlos Marun (PMDB-MS).

Padilha, Kassab e Moreira investigados por comissão

Imagem
Folha de S.Paulo A Comissão de Ética da Presidência da República instaurou nesta quinta-feira (27) processos para investigar as condutas dos ministros Eliseu Padilha, da Casa Civil, Moreira Franco, da Secretaria-Geral da Presidência, e Gilberto Kassab, da Comunicação. O órgão federal irá apurar se os três ministros cometeram infrações como tráfico de influência e praticaram atos que resultaram em casos de conflito de interesses. As investigações foram abertas após o órgão federal ter recebido duas denúncias baseadas nas delações premiadas de executivos da Odebrecht. "Quando o processo emana de uma denúncia criminal apurada pelo STF, não se pode deixar de considerar a seriedade do tema envolvido", disse o presidente da Comissão de Ética, Mauro Menezes. Segundo Menezes, no caso de Padilha, será apurada a conduta dele diante da acusação de que ele teria favorecido a empreiteira na construção da Linha 1 do Trensurb, em Porto Alegre, quando era ministro dos Transportes, em 2011. Sobre…

Todas as acusações aos principais políticos do país

Imagem
O Globo - Jefferson Ribeiro Há pouco mais de três anos, quando a Operação Lava-Jato já provocava os primeiros danos no meio político atingindo em cheio o ex-vice-presidente da Câmara André Vargas, que renunciou ao cargo e se desfiliou do PT após as revelações de sua relação com o doleiro Alberto Yousseff, era impossível prever a dimensão que as investigações teriam sobre a classe política. Hoje, depois de 39 ações policiais e mais de duas centenas de delações, foram colhidos depoimentos e provas que levaram à ruína até mesmo as maiores grifes da política nacional. Separando o joio do trigo Os danos à imagem dos principais políticos brasileiros é inegável, mas a avalanche de denúncias e investigações é tamanha que fica difícil saber quem está mais ou menos implicado juridicamente. E como a delação dos ex-executivos da Odebrecht com vídeos tornam as acusações mais ricas de detalhes, as outras denúncias já apresentadas pelo Ministério Público à Justiça em outros casos ficam meio opacas e pod…

2018: PT já cogita eleição sem Lula como candidato

Imagem
Em análises internas de cenário, petistas reconhecem que delações da Odebrecht e de Léo Pinheiro, da OAS, complicaram a vida de Lula para as eleições Veja As novas suspeitas contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, acusado de corrupção por ex-executivos de empreiteiras, fez com que o PT passasse a incluir em suas análises internas do cenário político e discussões sobre estratégias a possibilidade concreta de não contar com o seu líder máximo na disputa eleitoral de 2018. O receio é que uma condenação em segunda instância na Operação Lava Jato o torne inelegível com base na Lei da Ficha Limpa. A reação do PT às novas suspeitas é reforçar o empenho na defesa de Lula tanto nas ruas quanto nas redes sociais. Ninguém no partido ousa questionar ou cobrar explicações do ex-presidente. Lula é visto no PT como alvo de perseguição da Lava Jato e vítima de uma campanha para impedir sua candidatura em 2018. Mas, com a divulgação dos depoimentos da Odebrecht e a delação do empreiteiro José Ad…

As ruas desafiam o governo Temer e o Congresso

Imagem
El País Xosé Hermida O Governo do Brasil joga seu futuro nos próximos dias. Atingido pelos escândalos de corrupção e em queda nas pesquisas, o presidente Michel Temer aposta tudo num frenético calendário legislativo, com as reformas trabalhistas e previdenciária em destaque na última tentativa de recuperar um mínimo de credibilidade para o seu mandato. Os sindicatos e a oposição decidiram desafiá-lo nas ruas, submetendo-o nesta sexta-feira a uma prova de fogo com uma greve geral que obteve apoios inesperados. “A greve geral de amanhã pode ser o teste mais difícil do Governo (...)”. Esse tuíte é de quatro anos atrás e se referia ao mandato de Dilma Rousseff. Seu autor, João Doria, é agora prefeito de São Paulo pelo PSDB, um dos principais aliados de Temer. Em seu novo papel, Doria se empenhou tanto nos últimos dias para garantir o fracasso da greve que chegou inclusive a um acordo com empresas de táxi para transportarem de graça os funcionários municipais que queiram comparecer ao trabal…

Pernambuco: greve deve abranger boa parte do Estado

Imagem
Do Diario de Pernambuco – Aline Moura     [...] Em Pernambuco, diversos setores realizaram assembleia para tornar o movimento legal. Setores da educação, de transporte (ônibus e metrô), aeroviários, aeroportuários, bancos e até mesmo da segurança, como policiais civis, anunciaram que vão cruzar os braços. A greve contará com o apoio de servidores municipais de pelo menos 80 municípios, servidores públicos estaduais de aproximadamente 90 cidades, servidores federais, metalúrgicos e comércio. Instituições como a Universidade Católica e a Universidade Federal irão parar. “O momento em nosso país é de atenção. Foram duras as lutas para legitimar o processo democrático, e não se pode descuidar de sua consolidação e admitir retrocessos”, diz um trecho de nota divulgada pelo Conselho Tutelar estadual. O ato público contra as reformas no Recife terá início na Praça do Derby, a partir das 14h. Os manifestantes devem seguir até a antiga Pracinha do Diario, na Avenida Dantas Barreto. A caminhada na …

Faltou defesa para Cadoca

Imagem
Se vivo fosse, o ex-presidente do PDT, Leonel Brizola, jamais teria agido de forma tão ditatorial, covarde e tacanha quanto o atual dirigente da executiva nacional, Carlos Lupi, em relação à expulsão sumária do deputado pernambucano Carlos Eduardo Cadoca dos quadros da legenda, só porque contrariou decisão partidária votando a favor da reforma trabalhista. Lupi sequer deu um telefonema para Cadoca. Preferiu ligar para o presidente estadual da legenda, Wolney Queiroz, mas já com a decisão tomada, apenas para informar que estava desligando o parlamentar da agremiação partidária. Nem a Wolney, porém, transmitiu com clareza qual procedimento tomaria. Imediatamente Wolney deixou Cadoca informado, mas pensado que seria aberto um processo de expulsão pelas vias naturais, dando direito à defesa. Mas o seu ato foi ad referendum, ou seja, sem direito de defesa. Isso é coisa de ditador, de quem acha que presidir um partido é adotar o chicote como instrumento para açoitar subordinados e não o diá…

PSB destitui presidentes do MS, CE, MS e RR

Imagem
O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, enviou ofício, há pouco, ao Tribunal Superior Eleitoral, comunicando a destituição da presidência do partido nos seus respectivos Estados os deputados federais Fábio Garcia, do Mato Grosso; Maria Helena, de Roraima; Danilo Forte, do Ceará, e Tereza Cristina, do Mato Grosso do Sul, esta líder do partido na Câmara, por terem descumprido orientação partdária contra a reforma trabalhista. Os demais deputados que ignoraram o fechamento de questão contra as reformas trabalhista e previdenciária poderão ser punidos pela Comissão de Ética, caso haja representação contra eles feita por qualquer filiado, de qualquer Estado. No caso da perda do comando estadual do partido, a destituição independe de representação.

Temer: placar da reforma foi “muito satisfatório”

Imagem
Folha de S.Paulo – Gustavo Uribe Com a aprovação do texto-base da reforma trabalhista, o presidente Michel Temer telefonou na noite desta quarta-feira (26) para o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para agradecer a mobilização em torno da proposta. No gabinete presidencial, o peemedebista também falou com líderes partidários e, segundo relatos de presentes, avaliou que o resultado foi "muito satisfatório". Ao todo, a proposta foi aprovada por 296 votos. O placar, no entanto, não atingiu a intenção inicial do presidente de fazer uma votação com padrão de PEC (Proposta de Emenda Constitucional). A perspectiva era conseguir pelo menos 308 votos, mínimo necessário para aprovar a reforma previdenciária. "Hoje foi uma semifinal e estamos nos preparando para uma final. É um sinal de que falta pouco para conseguirmos o placar necessário", disse o vice-líder do governo Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), que se reuniu com o presidente após a votação. O Palácio do Planalto …