quinta-feira, 11 de outubro de 2018

Presidente nacional do DEM diz que vai votar em Bolsonaro

O presidente nacional do DEM, ACM Neto, que é também prefeito de Salvador, disse nesta quarta-feira (10) que vai votar em Bolsonaro para presidente da República, mas os filiados estão liberados para votar em quem quiser. Essa posição já havia sido tomada em Pernambuco pelo presidente estadual do DEM e candidato derrotado a senador, Mendonça Filho.
O anúncio de ACM foi feito ao lado do candidato derrotado ao governo da Bahia, José Ronaldo, ex-prefeito de Feira de Santana.
“Dadas as circunstância desse segundo turno, eu irei votar no Jair Bolsonaro”, disse o prefeito de Salvador que foi também um dos coordenadores da campanha de Alckmin (PSDB) a presidente da República.
“Eu não concordo 100% com os pensamentos, com as bandeiras e com as pregações de Bolsonaro. Eu não preciso concordar 100% com alguém para achar que essa pessoa merece meu voto, no segundo turno, quando temos apenas duas alternativas”, declarou o prefeito.
Segundo ele, “se nós estamos há quatro anos vivendo uma gravíssima crise econômica, social, moral e política, é graças ao PT, é graças ao que Dilma Rousseff e o Partido dos Trabalhadores fizeram no nosso País, sobretudo ao estelionato eleitoral cometido em 2014”.
“Espero que ele (Bolsonaro) possa, uma vez eleito presidente da República, trabalhar para unificar o país, trabalhar para superar esse quadro que se instalou de polarização de extremos e de posturas radicais”, disse o dirigente do DEM.
No primeiro turno, o DEM elegeu 29 deputados federais (Fernando Filho em Pernambuco), quatro senadores e dois governadores, entre eles Ronaldo Caiado (GO).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Como em época de crise financeira, alguns prefeitos do Sertão recebem salários de “Marajás”. Veja

Não é de hoje que o povo sabe, e sofre na pele, os efeitos da pior crise econômica da história do nosso país. Resultado de anos de govern...