domingo, 23 de julho de 2017

Lula, Moro e o triplex


Aliados de Lula aconselham a defesa do petista a explorar trecho da sentença em que o juiz Sergio Moro diz que “jamais afirmou” que os “valores obtidos pela Construtora OAS nos contratos com a Petrobras foram utilizados para pagamento da vantagem indevida para o ex-presidente”.
Conselheiros de Lula lembram que o processo só foi distribuído para o juiz de Curitiba porque, na ocasião, prevaleceu a tese de que havia vínculo entre o caso e os desvios na Petrobras.
Promotores que iniciaram a investigação em São Paulo travaram uma luta para que as investigações sobre o tríplex ficassem sob sua jurisdição.  (Radar- FSP)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

André Gadelha contraria MDB e adere à Lucélio Cartaxo

A pré-candidatura de Lucélio Cartaxo (PV) ganhou adesão de mais uma importante liderança do Sertão paraibano. Na manhã desta sexta-feir...