Lenildo faz desabafo e diz que vai entrar com ação criminal contra Dinaldinho.

Mais Patos
O prefeito Lenildo Morais (PT) em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira (22) informou que os advogados do prefeito eleito Dinaldinho Wanderley (PSDB) entraram com ação judicial com pedido de liminar e conseguiram bloquear os 40% dos recursos do Fundef direcionados à Prefeitura de Patos que foram acordados durante audiência na Justiça Federal.
 
O bloqueio deixou a adminstração atual sem condições de gerir e encaminhar as ações em andamento que beneficiam a população de Patos. Fato que está levando Lenildo Morais a acionar criminalmente o prefeito eleito Dinaldinho Wardeley.
 
“Esses recursos foram planejados para serem investidos em ações até a finalização do mandato. São ações sérias e transparentes, em que aceitamos as recomendações do Ministério Público e Tribunal de Contas”, enfatizou.
Ele chamou de atos de irresponsabilidade as interferências de Dinaldinho que objetivam inviabilizar a gestão atual, pois na verdade prejudicam a população de Patos. “Eu desafio ele a vir ao debate. Porque estou botando a casa em ordem”, ressaltou.
Lenildo disse que tem procurado agir de forma correta, fazendo as ações que precisavam ser feitas, como o enxugamento da folha, inauguração da UPA, atualização e pagamento dentro do mês trabalhado dos salários dos servidores, entre outras medidas.
“Inviabilizar a abertura da UPA é um ato para prejudicar a população”, disse, acrescentando que se Dinaldinho quiser que a gestão Lenildo passe por investigação que abra processo de auditoria quando assumir a Prefeitura em janeiro.
 
Lenildo desabafou dizendo que tem responsabilidades com os compromissos que assumiu. “Se os recursos chegaram na minha administração, eu não posso ter o direito de administrá-lo de forma correta?”, questionou.
Lenildo classificou a interferência de Dinaldinho em sua gestão como 'política de mesquinharia' que Patos não suporta mais. “Patos é uma cidade grande que tem que olhar para frente nos aspectos estratégicos e que precisa inovar e não ficar a mercê de manobras de pessoas que classifico como ‘quinta coluna’ que não têm interesse com o desenvolvimento social e econômico da cidade de Patos".

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo

Nova Farmácia Básica do Centro é entregue à população patoense