Palanque de Paulo sofre debandada em Flores

Aliados da ex-prefeita de Flores Soraya Morioka, derrotada nas eleições de 2016, participaram de reunião para a refundação do PTB no município. Realizado na Câmara de Vereadores, ontem, o encontro foi coordenado pelo secretário-geral do partido, João Batista, representando o senador Armando Monteiro Neto (PTB), estiveram presentes o candidato a vice Ivanildo (PRTB) e os vereadores Nezinho de Fátima, Patricia de Dema e Zé do Fosco, estes eleitos pelo PR.
A reunião sinaliza um enfraquecimento do palanque do governador Paulo Câmara (PSB) no município. Até agora, o socialista contava com o apoio das principais forças políticas de Flores: de Marconi Santana (PSB), prefeito eleito, com 51,9% dos votos, e de Soraya. Na disputa municipal do ano passado, o socialista dividiu o apoio entre os dois candidatos, tanto que não esteve durante a campanha nessa cidade do Sertão do Pajeú. Com a migração dos três vereadores e o indicativo de que ela deve acompanhar seu grupo político, Paulo sofre uma perda.
Segundo informações dos vereadores, durante o encontro, foi tratada sobre a renovação do PTB do município. Nas eleições de 2016, o partido lançou a candidatura de Nelson Daniel a prefeito, que obteve apenas 21 votos e não estava presente na reunião. O PTB não elegeu nenhum vereador.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo

Nova Farmácia Básica do Centro é entregue à população patoense