domingo, 18 de junho de 2017

Tucanos: a revoada


Portal Hoje em Dia - Coluna Esplanada
Por Leandro Mazzini

O PSDB já tem ordem para desembarcar do Governo de Michel Temer caso o senador afastado Aécio Neves (MG) seja preso por decisão do pleno do Supremo Tribunal Federal na terça-feira. Apavorado, sem saída política, e sob pressão de parte dos próprios pares para deixar o partido, Aécio – que controla a maioria na Executiva do PSDB – usa seus delegados na tentativa de empurrar a responsabilidade de seu futuro para o Governo – como se do Palácio dependesse o voto de cada ministro do STF.
O recado da tropa aecista: que ele não caia sozinho. O PSDB sabe que é a base de sustentação de Temer, por isso adia a decisão até a situação de Aécio ser resolvida.
O PT comemora o cenário: “Acordos entre PMDB e PSDB para sustentar Temer são exemplos típicos do chamado ‘abraço de afogados”, diz o deputado Henrique Fontana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário