quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Correia deixa prisão para atendimento médico


Pedro Corrêa, condenado no mensalão, irá trabalhar como radiologista em clínica médica a partir desta terça-feira(29)Pedro Corrêa passou um aperto na Superintendência da Polícia Federal ontem. Ele sentiu fortes dores na coluna e foi levado para o hospital em Curitiba. Corrêa passou por exames médicos e retornou à carceragem, mas deverá ser operado em breve.Corrêa está preso desde abril do ano passado e já foi condenado em primeira instância pelo juiz Sergio Moro a 20 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro. 
A delação de Pedro Corrêa feita com a Procuradoria Geral da República ainda não foi homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). São cerca de 70 anexos de depoimentos que apontam o suposto envolvimento de políticos no esquema de corrupção da Petrobras. Correia também foi condenado no mensalão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário