Grupo é preso por desvio de verbas em Panelas

Um assessor de imprensa foi preso e outros três mandados de prisão estão sendo cumpridos, hoje, contra uma organização criminosa suspeita de envolvimento em esquema de desvio de verbas da Prefeitura de Panelas, no Agreste, distante 183 quilômetros do Recife. A operação, batizada de "Profissão Perigo" também cumpre oito mandados de busca e apreensão domiciliar.
Macgaywer Bergson Gomes, de 30 anos, era funcionário público na prefeitura e idealizador da ação criminosa. Junto com outros três empresários, através de contratos falsos, eles desviavam dinheiro da Prefeitura para o pagamento de serviços terceirizados nunca feitos.
A investigação teve origem após uma denúncia de desvio de verbas feita pelo ex-prefeito de Panelas. A atual prefeita também colaborou com as investigações. Cerca de 50 policiais civis estão trabalhando no caso. “Isso infelizmente traz prejuízo para a prefeitura e para a sociedade, e é importante que a Polícia continue reprimindo crimes dessa natureza” afirmou o chefe da Polícia Civil, Antônio Barros.
Mais detalhes da operação serão esclarecidos na segunda-feira (20), na sede do Grupo de Operações Especiais (GOE), no bairro do Cordeiro, no Recife.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo

Nova Farmácia Básica do Centro é entregue à população patoense