Ex-prefeito de Camaragibe tem bens bloqueados


Blog da Folha
O ex-prefeito de Camaragibe, no Grande Recife, João Lemos (PCdoB) teve seus bens bloqueados na Justiça Federal, após solicitação do Ministério Público Federal (MPF) em Pernambuco. O ex-gestor é réu em ação de improbidade administrativa por supostas irregularidades na aplicação de recursos federais provenientes do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.
De acordo com as apurações do MPF, em 2009, o então prefeito desviou cerca de R$ 240 mil, em valores atualizados até novembro de 2015, que deveriam ter sido destinados à implantação de 15 coletivos juvenis no âmbito do Projovem Adolescente. Segundo o órgão, a irregularidade também foi identificada em relatório do Tribunal de Contas da União (TCU).
Diante dos indícios de recursos federais, a Justiça acatou os argumentos da procuradora da República Sílvia Regina Pontes Lopes, responsável pelo caso, e determinou o bloqueio dos bens de João Lemos em aproximadamente R$ 850 mil.
O valor é correspondente ao suposto prejuízo a ser ressarcido aos cofres públicos mais multa no valor de duas vezes o dano causado, montante que deverá ser pago em caso de condenação.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo

Nova Farmácia Básica do Centro é entregue à população patoense