Lenildo e diz que fará auditoria para investigar irregularidades alvo de investigação do MPF, CGU e PF


A Câmara Municipal de Patos empossou na tarde desta sexta-feira (9) o vice-prefeito Lenildo Morais (PT), após o afastamento de Francisca Motta (PMDB) em decorrência de decisão da Justiça Federal de afastar a prefeita por suspeitas de irregularidades.
A solenidade de posse de Lenildo foi presidida pela 2ª vice-presidente da Casa Legislativa, a vereadora Isis Carla de Medeiros Alves  (PSDB) e teve a participação de cinco dos treze vereadores da cidade. A presidente da Casa, Nadirgerlane Rodrigues (PMDB),  não foi localizada e o 1ª Vice-presidente, Ivanes Lacerda (PMDB) foi convocado, mas não compareceu à sessão.
Lenildo, em seu discurso de posse, disse que será feita auditoria para investigar as possíveis irregularidades que foram alvo de ação da Polícia Federal, Controladoria Geral da União e Ministério Público Federal. Ele também adiantou que irá exonerar todos os secretários atuais.
Em nota à Imprensa, Lenildo conclamou “a todos os patoenses de todas as correntes políticas da oposição e os movimentos sociais para um grande desafio de reconstruir a cidade em novas bases éticas e administrativas”.
Após a divulgação da posse de Lenildo como prefeito no Diário Oficial Legislativo do município, ele dará uma entrevista coletiva à imprensa. A divulgação oficial da posse de Lenildo Morais na prefeitura de Patos deve ser acontecer  ainda nesta sexta-feira.
A entrevista coletiva acontece na manhã deste sábado (10) com horário  a ser definido e divulgado pela assessoria do prefeito empossado
O afastamento da prefeita Francisca Motta foi requerido pelo Ministério Público Federal, através de medida cautelar, e acatado pelo desembargador federal Lázaro Guimarães, do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, com sede em Recife, Pernambuco.

 Luciana Rodrigues
 Assessoria de Imprensa

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo

Nova Farmácia Básica do Centro é entregue à população patoense