Aécio elogia Temer por ser contra aumento dos ministros


Em visita na tarde desta terça-feira, no Palácio do Planalto, o presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), elogiou o presidente Michel Temer por ter se posicionado contrariamente à aprovação do projeto de reajuste dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). A defesa da rejeição da proposta foi uma das principais bandeiras da bancada do PSDB do Senado nas últimas semanas, que se opôs à maioria dos senadores do PMDB, partido de Temer e que inicialmente foram favoráveis à concessão do aumento.
Em entrevista ao jornal O Globo no domingo, Temer disse que a eventual aprovação do reajuste dos subsídios do STF iria gerar uma "cascata gravíssima" com repercussão financeira para a União, Estados e municípios, uma vez que essa elevação nos vencimentos serve como o teto do funcionalismo público - pela proposta, subiria dos atuais R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil.
Temer também adotou essa posição clara nesse debate após receber a sinalização da nova presidente do Supremo, Cármen Lúcia, de que era contrária à concessão neste momento do reajuste para os ministros da Suprema Corte. A manifestação do presidente fez com que a bancada do PMDB da Casa recuasse da ideia de levar adiante a tentativa de acelerar a votação do projeto, que já passara pela Câmara e está na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado.
Na visita, que foi rápida, Aécio e Temer conversaram também sobre a PEC do teto dos gastos e a reforma da Previdência, duas das prioridades do ajuste fiscal do governo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crescem os riscos de Patos ficar totalmente sem água no ano que vem.

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo