Célia Sales toma posse como prefeita de Ipojuca


Portal G1 PE
Eleita no dia 2 de abril com 55,2% dos votos, a prefeita de Ipojuca, Célia Sales (PTB), foi empossada nesta terça-feira (2), durante cerimônia realizada na Câmara Municipal de Ipojuca. Depois de assumir o cargo, a administradora do município afirmou que a saúde e a segurança serão as primeiras áreas a serem priorizadas em sua gestão. 
“A primeira coisa é reabrir o Hospital de Ipojuca, que foi fechado [desde 2016]. A saúde está muito precária e a segurança também. Por isso, a nossa ideia é dar um reforço na segurança, porque Ipojuca é considerada uma das cidades mais violentas. Isso me preocupa muito”, comentou a prefeita, após a solenidade da posse.
Em dezembro de 2016, as eleições para a prefeitura do município, realizadas em outubro do mesmo ano, foram anuladas porque o candidato vencedor, Romero Sales (PTB), marido de Célia, teve o registro cassado. Na época, segundo nota postada no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os ministros julgaram o candidato inelegível para concorrer às eleições por improbidade administrativa.
De acordo com o TSE, ele havia sido apontado como responsável por dano ao erário e prática de enriquecimento ilícito por causa de uma viagem que fez a Foz do Iguaçu (PR) para um congresso, em 2008, como vereador do município. Dessa forma, o vereador Ricardo José (PTC), presidente da Câmara Municipal de Ipojuca, assumiu a prefeitura interinamente desde o mês de janeiro de 2017.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crescem os riscos de Patos ficar totalmente sem água no ano que vem.

Maranata: empresa terceirizada tem lucros exorbitantes após ser contratada pela Prefeitura Municipal de Patos

Governador afaga PMDB de Patos e presenteia Grupo Mota com direção da Maternidade. Ricardo teria exigido nome de médico para o cargo